A Microsoft abraça o código aberto! Confira a informação!

A Microsoft abraça o código aberto! Confira a informação!
Alguns dias atrás escrevemos aqui que a Microsoft vem tomando um novo caminho, e foi dito muitos pontos importantes, talvez, o aspecto técnico mais importante de tudo: Microsoft finalmente está realmente abraçando software open-source.Ao longo dos anos, a Microsoft, apesar de lutar com outros programas de código aberto Linux e, na verdade nunca desmentiu as várias publicações de que usa o linux por exemplo, em boa parte de seus servidores. Você já ouviu falar em uma parte da Microsoft chamada mslinuxOK ou o modo MS-Linux ? Acho que não, mas não se espante, isso está nos cartões, anúncio ou publicidade, mas a Microsoft realmente está entrando no apoio tanto de software de código aberto como no Linux.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Por exemplo, o primeiro Windows a usar o TCP/IP foi no NT 3.5.x e os lançamentos dos serviços iniciais da Microsoft como o Hotmail foram baseados no FreeBSD. Na maioria das vezes, no entanto, a atitude pública da Microsoft pode ser resumida por citações Steve Ballmer 2001, onde foi infeliz em dizer que “Linux é um câncer.”
Isso era antes. E agora ?

Hoje em dia, o CEO da Microsoft Satya Nadella diz que a “Microsoft ama Linux.”

Esta não foi uma mudança repentina que só aconteceu só porque Ballmer foi demitido. Não, essa mudança tem vindo há anos.
Em 2008, Sam Ramji, então diretor de estratégia de tecnologia da plataforma da Microsoft, disse: “A estratégia de código aberto Microsoft está focada em ajudar clientes e parceiros de ser bem sucedido no mundo de hoje cpm a tecnologia heterogênea.” Em 2011, a Microsoft viu que a nuvem é construída
em grande parte com o Linux e eles foram um top contribuinte Linux.Microsoft previu o futuro corretamente. A razão pela qual Nadella “ama Linux” é que 20 por cento dos sistemas operacionais rodando em nuvem do Microsoft Azure são variações do Linux. Eu não ficaria surpreso se, no mínimo, nos próximos meses, a Microsoft anuncia que vai apoiar a Red Hat Enterprise Linux (RHEL) no Azure.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A mudança real, porém não é apenas que a Microsoft está usando Linux e o open source para promover os seus próprios programas. Não, é que a Microsoft está apoiando ativamente projetos de código aberto que competem com os seus próprios programas e está abrindo um pouco do seu próprio código.
Por exemplo, a Microsoft fez uma parceria com a Canonical, empresa que mantém o Ubuntu Linux, para trazer Windows Server para o OpenStack, um concorrente Azure. Isso nunca teria acontecido sob o regime de Ballmer ou Gate.
E, talvez o mais surpreendente de tudo, a Microsoft está planejando abrir o código do seu núcleo e .NET.
Agora isso isso é incrível. Nós sempre soubemos .NET poderia rodar em Linux. Miguel de Icaza, fundador da interface desktop GNOME Linux, passou anos trazendo .NET para Linux no âmbito do projeto Mono. Na verdade, Icaza é agora um dos membros da Microsoft patrocinado pelo .NET Foundation Open Source.
Isso não quer dizer que o Mono e o Microsoft .NET no formato aberto irão se fundir. Icaza explicou em uma entrevista, “O .NET Framework completo é fornecido com o Windows para que ele tenha um bastante elevado conjunto de requisitos para compatibilidade com versões anteriores. Eles não estão querendo causar nada, ou envolver a comunidade. Apenas nós vamos usar isso para melhorar a Mono“.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

No Facebook por estes dias, algumas matérias foram publicadas também, e vi algumas pessoas dizendo: “A Microsoft está fazendo isso apenas para mais uma vez mais “extinguir” seus inimigos.
A Microsoft de 2014 não é o Império do Mal como na década de 90 e 2000. Esta Microsoft já não pode ditar seus termos para os usuários finais. Olhe atentamente o que a Microsoft está fazendo.
Não só é trabalhar com projetos abertos, mas abrindo o seu próprio código, ele está trazendo seus programas emblemáticos, como o Office, sob o Office 365 pretexto para iPhones e iPads e tablets Android.
Microsoft de hoje é uma empresa que percebe que precisa trabalhar com seus rivais em vez de tentar enterrá-los. Não, eu não estou fazendo uma piada. Eu realmente acredito que a Microsoft está se reinventando.
Agora, se essa reinvenção amigável de código aberto irá ser bem sucedida, isso aí é outra questão. Dito isto, penso que este novo caminho é muito mais provável que seja bem sucedido do que tentar segurar suas velhas formas monopolistas. Vamos baixar a guarda um pouco de nossos pensamentos negativos e até desconfiados e observar com cautela o que vem por aí nos próximos dias, qualquer novidade avisamos.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários