Conheça 9 projetos de robótica sob código aberto!



Conheça 9 projetos de robótica sob código aberto!

O código aberto não está apenas mudando a maneira como interagimos com o mundo, ele também está mudando a forma como o mundo interage de volta conosco. O caso em questão: robótica sob licença de código aberto.

Para observarmos como a robótica está modificando nosso mundo, peguemos um exemplo: a mundialmente conhecida Amazon está realizando testes com drones para entregar encomendas. Isso pode significar uma grande mudança para a forma como ocorrem as entregas de produtos, sejam eles quais forem.
Mas vamos ser honestos: muitos de nós têm interesse em robótica, simplesmente porque é divertido! E a boa notícia é que você não precisa ser um engenheiro eletrotécnico para apreciar a robótica como um hobby. Felizmente, há uma série de projetos de código aberto, que podem ajudar mesmo o novato mais novato a começar.
Vamos conhecer alguns projetos de robótica de código aberto:

Projetos de Hardware

Um robô é uma coisa física, e, portanto, tanto o seu código quanto seu hardware estão sujeitos a licença proprietária. Felizmente, há uma série de plataformas que possuem o “hardware aberto” para começar a trabalhar com robótica. Aqui estão algumas que você pode querer verificar. 

  • Sparki é uma plataforma robótica sob código aberto completa em todos os sentidos da palavra. Os diagramas esquemáticos, arquivos de modelos 3D e código-fonte estão todos sob código aberto. Projetado para ser um robô de introdução acessível para estudantes, Sparki vem com um sensor de distância, acelerômetro, comunicação via infravermelho, bússola, sensor de luz, e muito mais. Enquanto o Sparki vem sobre rodas, ele tem um primo chamado “Hexy, o hexapod”, uma plataforma de código aberto semelhante ao Sparki, mas o Hexy possui seis pernas; 
  • Os robôs não usam apenas as pernas ou rodas, às vezes, eles voam. Um número de drones de código aberto utilizam os sistemas OpenPilot ou ArduPilot. O ArduPilot, por exemplo, pode ser montado como um helicóptero, Quadrotor, ou uma variedade de outras configurações; 
  • Turtlebot é outra plataforma, disponível com um kit de uma variedade de fabricantes, bem como um conjunto de instruções completamente abertas que lhe permitem construir o seu próprio a partir de peças que vêm inclusas, como um netbook, um Kinect e um Kobuki. Você também pode monta-lo usando um modelo do estilo iRobot Create.

Projetos de Software



Um robô é mais do que suas partes metálicas. Ele precisa de alguma forma de inteligência para ser capaz de servir o seu mestre. Aqui estão alguns projetos de código aberto interessantes no lado do software de robótica. 
  • LeJOS é um projeto de software de robótica boa para iniciantes, ele é essencialmente um substituto para o firmware que vem com Lego Mindstorms, permitindo que o usuário possa programar os seus robôs Mindstorms facilmente usando a linguagem de programação Java; 
  • Rock, o Robot Construction Kit, é um conjunto de softwares desenvolvidos para os robôs, com base no Orocos RTT (Real Time Toolkit). Ele contém uma rica coleção de drivers e módulos prontos para uso em seu sistema, e pode ser facilmente estendida adicionando novos componentes; 
  • ROS, o Robot Operating System, disponibiliza bibliotecas e ferramentas para auxiliar desenvolvedores de software a criar aplicações robóticas. Ele fornece abstração de hardware, device drivers, bibliotecas, visualizadores, transmissão de mensagens, gerenciamento de pacotes e muito mais. ROS é licenciado sob uma licença livre (open source), a licença BSD e é patrocinado pela Open Source Robotics Foundation.


Simuladores de Robôs

Antes de começar a montar o seu robô, você precisa ter um plano de ação. Os robôs operam no mundo real e estão sujeitos a restrições físicas que incluem a gravidade, o terreno e o clima local. Só porque um design parece bom no papel, não significa que vai arrasar na realidade. Então, porque não simular a funcionalidade do seu robô antes de começar?
  • Gazebo é uma solução de simulação completa, com gráficos avançados em 3D, sensores virtuais, uma extensa coleção de ferramentas de linha de comando, e a capacidade de executar suas simulações na nuvem; 
  • MORSE, o Modular OpenRobots Simulation Engine, é um projeto de licença BSD focado na simulação para robôs acadêmicos, tanto em ambientes fechados ou ao ar livre. MORSE pode ser programado com Python e utiliza o motor gráfico Blender; 
  • V-REP, o Virtual Robot Experimentation Platform, utiliza a licença GPL e funciona nos sistemas Windows, Mac e Linux, suporta múltiplas linguagens de programação como C/C++, Python, Java, Lua, Matlab, Octave ou Urbi. E pode simular diversas outras situações. 
Estes são alguns projetos de código aberto para os entusiastas de robótica, nós não poderíamos começar a enumerar todos. Há muito mais que valem a pena ser vistos, e, claro, com o advento de plataformas de hardware de baixo custo como o Raspberry Pi e Arduino, é mais fácil do que nunca começar a construir o seu próprio robô. 
Você conhece algum outro projeto além desses? Deixe nos comentários e diga o que achou das iniciativas.

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});



você pode gostar também Mais do autor

Comentários