Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

LUA: O mundo se rende a linguagem de programação brasileira!

LUA: O mundo se rende a linguagem de programação brasileira!

Apesar de não ser tão famosa como seus “concorrentes” Ruby, PHP e Java, a criação brasileira possui uma reputação muito boa entre desenvolvedores de todo o mundo.

O que há em comum entre jogos dos mais avançados da atualidade, os set-up boxes de TV digital, o Adobe Photoshop Lightroom e a Wireshark, ferramenta de análise de rede muito usada em data centers? A resposta é um belo tempero brasileiro: a linguagem Lua, desenvolvida por três professores da PUC-RJ a 21 anos. Apesar de não ser tão famosa como seus “concorrentes” Ruby, PHP e Java, a criação brasileira possui uma reputação muito boa entre desenvolvedores de todo o mundo e tem como principais destaques o código extremamente simples e a sua portabilidade.


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

De acordo com Roberto Ierusalimschy, professor associado do departamento de informática da PUC-RJ, a Lua surgiu sem nenhuma pretensão, dentro do TecGraf, grupo de tecnologia formado numa parceria entre a PUC-RJ e a Petrobras. Ela foi criada a partir da necessidade de integração de duas outras linguagens, a SOL (Simple Object Language) e a Del (Data-entry language). Ambas eram usadas em projetos de engenharia da Petrobras.
“Começamos com dois grupos de seis pessoas que estavam utilizando a Lua, que nem tinha versão 1.0 ainda. Publicamos um artigo numa revista voltada a desenvolvedores. Na época, em 1997, a Lucas Arts não estava contente com a Scum, usada para o desenvolvimento de games. Foi então que Tim Schafer, criador do game Grim Fandango, leu o artigo e resolveu desenvolver o jogo usando Lua. Foi nossa primeira grande aparição mundial”, afirma Ierusalimschy.
Fácil e simples de aprender!
O professor conclui ressaltando a simplicidade de se trabalhar com a Lua, que é baseada numa arquitetura modular: um núcleo que acessa informações de bibliotecas básicas. Segundo ele, qualquer programador com um nível bom aprende rapidamente como trabalhar com a linguagem.

Mas será que é fácil mesmo?

Você já ouviu falar de Robert Nay? Não?! Apresento-lhes então ao garoto que com 14 anos pegou um livro de Lua na biblioteca da sua escola em Utah nos Estados Unidos e simplesmente desenvolveu um dos jogos mais baixados para iPhone na Apple Store: Bubble Balls.

Lançado em 29 de dezembro de 2010, o jogo teve mais de 2 milhões de downloads, destronando na época o todo poderoso Angry Byrds. O mais impressionante é que o jogo possui mais de 4 mil linhas de código, tudo utilizando o Corona SDK que é baseado em Lua.

A linguagem cresceu muito entre 2006-2012

A utilização da linguagem Lua cresce a cada ano. Em 2006 ela ocupava a posição de número 50 dentre as linguagens mais populares do mundo. Em 2010 ela já ocupava a posição de número 20. Em maio de 2011 ela já estava na posição de número 12, deixando para trás linguagens tradicionais como Delphi e Pascal. A lista mais recente publicada em junho pela Tiobe mostra Lua na décima posição, à frente de linguagens bastante populares como Ruby e JavaScript. É de longe a linguagem que mais cresce no mundo da computação.
   *As Linguagens de Programação Mais Populares do Mundo. A linguagem Lua foi a que mais cresceu no último ano, saindo da posição 20 para a posição 10.

Livros

O primeiro livro sobre Lua só foi publicado em 2003. Até então, os profissionais baixavam o código puro e usavam apenas o manual. Hoje há uma série de publicações que fala sobre Lua, incluindo um livro de mil páginas sobre o uso da linguagem no World of Warcraft (veja aqui o Wiki World of Warcraft Lua).


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Infelizmente a linguagem é muito mais conhecida lá fora do que aqui no Brasil ao ponto de existirem apenas livros em inglês sobre a linguagem. Lá fora, Lua é um mito, aqui praticamente ninguém a conhece.
Comentários