Como instalar a Origin no Ubuntu e derivados

Instale jogos da EA no Linux.

O Linux tem milhares de jogos no Steam, entretanto, outros tantos jogos do Windows nunca receberão uma versão para o Linux. E se você possui uma conta na EA Origin, você pode instalar a Origin no Linux Mint ou no Ubuntu usando o Wine e aproveitar alguns dos jogos Windows da EA no Linux.

Enquanto o Steam possui um cliente Linux, a EA parece não ter planos para lançar um cliente LInux do Origin, por isso precisamos do Wine para instalá-lo.

Instale a versão de desenvolvimento mais recente do Wine

O Wine é uma camada de compatibilidade livre e de código aberto que permite que um usuário Linux instale e execute aplicativos específicos do Windows em uma distribuição Linux. O wine não é compatível com todas as aplicações do Windows, e muitos aplicativos não funcionarão, mas é a melhor opção para o Origin.

Para instalar o Origin no LInux, a última versão estável do Wine não é suficiente. Então, precisamos baixar a versão de desenvolvimento mais recente.

Em primeiro lugar, se você utiliza uma versão do Linux de 64bits, é necessário adicionar a arquitetura de 32bits no sistema:

sudo dpkg --add-architecture i386

Depois, baixamos a chave de lançamento para o repositório. Abra um terminal (Ctrl + Alt + T) e escreva os comandos abaixo, que são os mesmos para Ubuntu e Linux Mint:

wget https://dl.winehq.org/wine-builds/Release.key
sudo apt-key add Release.key

Os comandos para adicionar o repositório Wine são diferentes entre Ubuntu e Linux Mint.

Para o Ubuntu, o comando é:

sudo apt-add-repository https://dl.winehq.org/wine-builds/ubuntu

Para o Linux Mint 18.1, o comando é:

sudo apt-add-repository 'deb https://dl.winehq.org/wine-builds/ubuntu/ xenial main'

Se os comandos acima não funcionarem, você encontra os comandos mais recentes na página do Wine..

Depois de adicionar o repositório, faremos uma atualização dos pacotes:

sudo apt update

Agora, instalamos a última versão de desenvolvimento do Wine:

sudo apt install --install-recomend winehq-devel -y

No final da instalação, podemos verificar a versão do wine com:

wine --version

A versão utilizada por aqui foi a wine-2.13.

Configurando o Wine

Após a instalação, vamos configurar o Wine com o comando:

winecfg

O wine pedirá para instalar alguns pacotes para melhorar a compatibilidade, que são o Mono e o Gecko.

O prompt do Gecko aparecerá duas vezes, o que é normal.

Para instalar o Origin no Linux, não precisamos alterar nenhuma configuração na janela de configuração do Wine. Clique em Ok para fechá-la após a instalação dos pacotes.

Como instalar a Origin no Ubuntu e derivados com PlayOnLinux

O PlayOnLinux é um GUI front-end para o Wine que facilita a instalação e gerenciamento de aplicativos do Windows.

Para instalar o PlayOnLInux, basta digitar:

sudo apt install playonlinux -y

Após a instalação, você poderá encontrar o PlayOnLinux na seção de jogos do menu principal, e caso utilize Ubuntu com Unity, pode procurar no Dash.

Baixando o cliente Origin Thin

Agora, precisamos baixar o cliente da Origin Thin lá do site da Origin.

Enquanto o download é realizado, inicie o PlayOnLInux e clique em Instalar.

Se estiver executando pela primeira vez, levará alguns segundos para atualizar.

Depois, procure no canto inferior esquerdo, a opção Instalar um programa não listado.

Clique em Avançar nas primeira e segunda janelas.

Na tela de instalação manual, novamente clicamos em Avançar.

Selecione a opção Instalar um programa em uma nova unidade virtual.

Na tela seguinte dê um nome simples para a unidade. No caso, escolhi “origin”, mas fique à vontade para selecionar outro nome. Certifique-se de que não contém espaços.

Na tela seguinte, não precisaremos de nenhuma das opções, clique em Avançar.

Na tela seguinte, a opção padrão será instalação de 32 bits do Windows, está e a escolha certa, avance.

Finalmente, vamos selecionar o arquivo para instalação. Clique em Procurar, navegue até a pasta de Downloads (opção de pasta padrão do Firefox e do Chrome, caso tenha feito o download em outra pasta, procure esta pasta) e selecione o arquivo (OriginThinSetup.exe)

Depois de abrir o arquivo e clicar em Avançar, teremos a tela de configuração da Origin. Deixaremos tudo como o padrão exibido.

Leia e concorde com os termos EULA.

No final da instalação nós teremos um erro. Não se preocupe, isso faz parte do plano ;).

Ao clicar em Ok, o erro irá fechar. Em seguida, o PlayOnLinux solicitará a criação de um atalho, selecione a opção Origin.exe.

Depois, você será perguntado novamente se deseja um segundo atalho, como não precisamos, marque a opção referente e avance.

Se tudo foi bem, teremos um atalho para Origin na área de trabalho e no PlayOnLinux.

Baixe os arquivos do cliente 9.12.0.34172

Mesmo que o cliente Origin esteja atualmente em sua 10ª versão, uma versão mais antiga do cliente possui a melhor compatibilidade para instalar a Origin no Linux.

Em primeiro lugar, baixamos o arquivo zip 9.12.0.34172.

Depois de concluir o download, extraia os arquivos usando seu gerenciador favorito. Pra facilitar, você pode acessar a pasta de Downloads e clicar com o botão direito no arquivo zip e selecionar a opção Extraia aqui.

Com o PlayOnLinux aberto, selecione o atalho da Origin, vá no painel lateral e escolha a opção Abrir a pasta. Na pasta que abriu, copiaremos todos os arquivos extraídos do arquivo descompactado anteriormente.

Você será perguntado se deseja substituir alguns arquivos, selecione a opção de substituir todos os arquivos.

Rodando a Origin no Linux Mint/Ubuntu

Finalmente, podemos executar o atalho do Origin, pela área de trabalho ou pelo painel do PlayOnLinux.

Alguns segundos e você terá a tela pedindo login e senha.

E agora, temos o cliente da Origin sendo executado no Linux. Vá até a seção “Meus Jogos” e veja sua biblioteca de jogos.

Desative a opção ‘Origin no Jogo’

Muitos jogos irão travar na inicialização por causa do recurso “Origin no Jogo”. Para desativá-lo, vá em Origin > Configurações do Aplicativo.

Na guia Origin no Jogo, desmarque a opção relevante.

Agora, você pode baixar qualquer jogo, como faria no Windows.

Após a conclusão do download, é provável que a Origin falhe, mas não se preocupe.

Reinicie a aplicação, veja se o jogo irá iniciar normalmente.

Claro, isso não significa que todo jogo original funcionará no Linux. Pelo menos, é bom ter acesso a alguns títulos que não estão disponíveis na Steam e provavelmente nunca serão portados para o Linux.

 

Você conseguiu instalar a Origin no Linux?

Se alguma coisa não funcionar como descrito aqui, deixa pra gente o seu relato nos comentários. Você também pode verificar a página da Origin no Wine, onde encontrará suporte para muitos problemas comuns.

 

 

Através da Fonte

Comentários