Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Instalação do GLPI para Service Desk

Ferramenta para gestão de serviços e gerenciamento de ativos

Antes de começarmos a instalação e processo de configuração, é importante lembrarmos dos conceitos e benefícios que a gestão da TI significam para uma empresa, bem como o papel que um software como o GLPI podem significar para a mesma.

Em ambiente corporativo, os frameworks como o modelo ITIL, tem o objetivo de fornecer comunicação entre negócio e tecnologia, buscando a melhoria contínua dos processos. O modelo ITIL pode ser adotado na sua gestão de Service Desk, seguindo as políticas exatamente como especificado, ou adotando apenas aspectos mais aplicáveis as necessidades.

Empresas que adotam a ITIL como modelo de gestão relatam benefícios significativos na:

  • Diminuição de despesas;
  • Melhor controle sobre orçamentos de TI;
  • Melhor satisfação do usuário final;
  • Maior produtividade e alocação de recursos;
  • Melhoria dos serviços;
  • Alinhamento com as necessidades do negócio

A gestão do Service Desk baseada no modelo ITIL ajuda as empresas a gerenciar seus ativos eficientemente, bem como hardware e softwares, assegurando continuidade do negócio sem interrupção.

Por que utilizar o GLPI

O GLPI (Gestionnaire Libre de Parc Informatique) ou Gestão Livre do Parque de Informática, é um software mantido atualmente pela Teclib (desde 2015) para gestão de serviços e gerenciamento de ativos, construído em linguagem PHP e distribuído pela licença GPL.

Foi desenvolvido para atender as necessidades do gestor da TI e também no gerenciamento de chamados do Help Desk, logo pode ser considerado uma plataforma de gerenciamento de ativos e serviços provendo aos gestores informações em tempo real de seus recursos físicos, e também humanos.

Hoje, a ferramenta é utilizada não somente para gerenciar chamados de TI, mas também para gerenciar serviços de manutenção de equipamentos, instalações prediais, projetos e contratos por Administradores, Gestores de RH, Advogados, agências e empresas de desenvolvimento.

O software apresenta diversas funcionalidades, além de permitir implementar recursos adicionais por meio de plugins, suas principais vantagens são:

  • Gestão e atendimento de Help Desk no sistema de tickets
  • Multi usuários
  • Diversos idiomas
  • Notificação de eventos via e-mail
  • Possibilidade de abertura de tickets ou chamados via interface web ou via e-mail
  • Relatórios gráficos
  • Integração com OCS Inventory NG e Fusion Inventory
  • Gestão e controle de computadores, impressoras, monitores e demais componentes em rede
  • Gestão e monitoramento de licenças (ITIL compliant)
  • Custo reduzido para implementação comparado a outros sistemas
  • Fácil manuseio
  • Gerenciamento de estado de equipamentos
  • Gestão de um Perguntas Frequentes (FAQ)

Gostou?  Tem uma infinidade de outras opções para o seu negócio e que podem ser encontradas aqui.

Instalação do GLPI no DEBIAN

Para começar, é necessário instalar o Apache junto com seus devidos módulos, além do suporte ao php. Caso não for utilizar imap ou ldap, não é necessário a instalação das dependências, php-imap php-ldap, e devem ser comentadas dentro do arquivo “php.ini”. O mesmo acontece com outras dependências que não queira trabalhar.

# apt-get install ca-certificates apache2 libapache2-mod-php php-cli php php-gd php-imap php-ldap php-mysql php-soap php-xmlrpc zip unzip bzip2 unrar-free php-snmp php-curl php-json php-memcached php-dev php-mbstring php-apcu-bc -y

Após instalação dos itens acima, instale o banco de dados com o comando:

# apt-get install mariadb-server

Preencha os campos pedidos e então partiremos para o download do GLPI. É necessário acessar um diretório a sua escolha com permissões de escrita, depois faça download usando o “wget”.

# cd /tmp
# wget https://github.com/glpi-project/glpi/releases/download/9.1.6/glpi-9.1.6.tgz

Descompacte o arquivo:

# tar -xvzf glpi-9.1.6.tgz

Faça uma cópia do diretório que foi extraído diretamente para o diretório do Apache sem perder as permissões dos arquivos:

# cp -Rf glpi /var/www/html

Crie o arquivo de configuração responsável por ativar ou desativar o módulo do apache:

# vim /etc/apache2/conf-available/glpi.conf
 <Directory "/var/www/html/glpi">
 AllowOverride All
 </Directory>

Habilite o arquivo de configuração:

# a2enconf glpi.conf

Reinicie o Apache:

# service apache2 restart

É necessário permissões especiais dentro de alguns diretórios portanto, aplique o comando abaixo para que não comprometa a instalação:

# chmod 775 /var/www/html -Rf

Altere também o grupo do diretório com o comando:

# chown www-data. /var/www/html -Rf

Logo em seguida, acesse o Banco de Dados:

# mysql -u root -p

Após digitar a senha para entrar com o usuário informado, crie o banco e o usuário:

  mysql> create database glpi;

  mysql> create user 'glpi'@'localhost' identified by '123456';

  mysql> grant all on glpi.* to glpi identified by '123456';

  mysql> quit;

Instalação através do navegador

Partimos para o navegador, onde continuaremos com a instalação. Entre com o endereço do servidor que está instalando Ex: http://localhost/glpi e você será redirecionado para a seguinte tela: 

Idioma Padrão

Escolha a opção de  idioma em seguida continuar

Licença para utilização

Aceite os termos da licença selecionando a opção, em seguida clique em continuar

Ínicio da instalação

Clique em Instalar para começar a instalação

Verificando compatibilidade do sistema

O script verifica a compatibilidade do sistema procurando por dependências, caso esteja tudo Ok continue com a instalação

Conexão do banco de dados

Complete as opções com o endereço do servidor, o usuário e a senha do MariaDB que criamos, caso tenha seguido rigorosamente o tutorial até aqui, o usuário é: “glpi” e senha:”123456″ sem os aspas.

Definindo o banco de dados

Nessa etapa você pode optar por criar ou utilizar um banco de dados já existente, no nosso caso usaremos o recém criado “glpi” logo depois, clique em continuar:

Iniciando o banco

Essa etapa consiste em iniciar o banco, avance para a próxima etapa, para finalizar a instalação:

Finalizando instalação

Finalizada a instalação partimos para o acesso ao sistema:

Tela de login

Login:glpi

Senha:glpi

Tela Inicial

Após a instalação é recomendado apagar o arquivo de script em php dentro do servidor usado apenas para instalação. Também é recomendado alterar as senhas e usuários padrões.

Neste ponto, partimos para a configuração do sistema. É de fato importante conhecer e ter toda a documentação da empresa pronta para ser implementada.

Existem certificações e treinamentos especializados no GLPI que podem ajudar ao administrador na tarefa de configurar o sistema. Daqui para frente é com você. Procure entender as reais necessidades da empresa e a viabilidade da instalação de um software como este. Caso tenha dúvidas em relação ao processo de instalação e configuração não deixe de questionar.

Via GLPI Brasil GLPI
Comentários