Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Review – Ubuntu 17.10 32 bits VS Ubuntu 17.10 64 bits

Usando a solução de testes Phoronix Test Suite

Como você sabe, o Ubuntu descontinuou o suporte a 32 bits já no Ubuntu 17.10, e pensando nisso, o Phonorix fez uma avaliação de desempenho usando a Phoronix Test Suite 7.4.0 , que inclusive pode ser baixada e instalar por qualquer pessoa que queira fazer testes de benchmarking entre sistemas ou aplicações com muitos critérios. Bom, será que o Ubuntu 17.10 de 32 bits é mais rápido que o Ubuntu 17.10 de 64 bits? Ou será o contrário? Quer saber mais? Confira o review!

Este teste pode ser útil para quem tem um processador que suporta instruções de 64 bits, mas ainda executa o Ubuntu 32 bits, possa ser a que agora chegou o momento de atualizar. Vale lembrar que as versões anteriores ao Ubuntu 17.10 permanecem com o suporte a arquitetura de 32 bits até o fim do seu ciclo de vida.

As variantes do Ubuntu 17.10, como Lubuntu 17.10 e Xubuntu 17.10 vão permanecer fornecendo as ISO’s com arquitetura de 32 bits, geralmente as pessoas que procuram essas distribuições gostam de algo mais leve e que tenha um consumo baixo de processamento e memória RAM, estas também são usadas em computadores modestos com capacidade de processamento reduzida.
100%
Ubuntu 17.10 de 64 bits teve melhor desempenho

Avaliação de desempenho Ubuntu 17.10 32 bits e Ubuntu 17.10 64 bits

Se você está na dúvida se deve sair do Ubuntu de 32 bits e partir para o Ubuntu 64 bits, saiba que a segunda opção pode ser bem vantajosa, em especial quando você precisa de um nível de processamento mais rápido, como em editores de imagens, 3D, ou conversores de qualquer tipo de arquivo.

  • O Ubuntu 17.10 de 64 bits está pronto para uso tanto por iniciantes, quanto por profissionais de TI.

O Ubuntu 17.10 de 64 bits levou a melhor em todos os sentidos, em especial com tarefas que geralmente demora um pouco mais a serem concluídas em um sistema de 32 bits. Mas, se você usa o seu Ubuntu apenas para navegar na internet, editar textos, criar apresentações, o desempenho é o mesmo para ambos sistemas.

Nota: O teste foi feito com uma instalação limpa, ou seja, não é proveniente de uma atualização de uma versão mais antiga para o Ubuntu 17.10.
O teste foi feito com um Lenovo ThinkPad X1 Carbon com uma CPU Core i7 e gráficos integrados, memória 4GB e SSD de 120GB. Todos os testes foram executados através do Phoronix Test Suite.
Ao simular uma compilação a versão de 64 bits teve uma maior velocidade cerca de 307 MB/s. Já o 32 bits demorou mais para compilar, porque os dados foram transmitidos usando apenas 130 MB/s.
A mesa coisa ocorre aqui neste gráfico, o Ubuntu 32 bit acaba ficando para trás quando assunto é transferência de dados, isso também pode impactar quando o usuário for transferir dados para uma unidade externa como pendrive, HD Externos e outros dispositivos de armazenamento.
Digamos que você queira jogar, bom, o desempenho dele em uma resolução de 1920X1080 é muito semelhante, então, neste quesito, mesmo que o jogo será para 64 bits, não há alterações.
Agora veja, usando o GCC em especial o FFTW
Agora usando o HMMer Search na versão 2.3.2
John The Ripper v1.8.0 – Teste: Blowfish

Agora convertendo mídias, veja a diferença entre o Ubuntu 17.10 de 32 bits e Ubuntu 17.10 de 64 bits!

Convertendo WAV para FLAC
Usando o FFmpeg na versão 3.3.3 para converter de H.264 HD para NTSC DV.
Nos testes o OpenSSL na versão 1.0.1g também teve um desempenho superior ao 32 bits.

E o GIMP, será que tem diferença entre o Ubuntu 17.10 de 32 bits e o Ubuntu 17.10 de 64 bits?

Para redimensionar imagem, o GIMP se saiu melhor no Ubuntu 17.10 de 64 bits, o tempo foi bem menor para finalizar.
Aplicando efeitos, cores, recortando e outros itens que podem demorar um pouco mais para processar, o Ubuntu 17.10 de 64 bits também se saiu melhor.
Aplicando ou removendo máscaras, o Ubuntu 17.10 de 64 bits também se saiu melhor. Mas observe que os testes com o GIMP a diferença é pouca, no entanto, o desempenho é melhor no 64 bits.
Comentários