Categorias

Android

Games

Notícias Linux

Tutoriais Linux

Vídeos

Notícias Linux

10/02/2021 às 07:00

6 min leitura

Avatar Autor
Por Jardeson Márcio

A falta de chips no iPhone 12 pode ficar muito pior

a-producao-do-iphone-12-caiu-pela-metade-na-fabrica-indiana

A escassez mundial de chips induzida pela pandemia do coronavírus continua a atingir a produção do iPhone 12, apesar das vantagens da Apple em negociar a prioridade com muitos de seus fornecedores. Até agora, a empresa foi afetada pela escassez de chips de gerenciamento de energia e componentes LiDAR. E a falta de chips no iPhone 12 pode ficar muito pior

O Bloomberg relata que a crise do coronavírus criou uma tempestade perfeita de oferta reduzida e aumento da demanda. Segundo o site, o cenário da pandemia, acentuado em 2020, provocou a carência potencialmente mais séria em anos de semicondutores que estão no coração de tudo, desde smartphones a carros e TVs, por exemplo.

Falta de chips atinge em cheio a Apple

O Bloomberg aponta que a Apple, um grande cliente da Qualcomm, disse recentemente que as vendas de alguns novos iPhones de última geração foram prejudicadas pela falta de componentes.

“A pandemia de vírus, o distanciamento social nas fábricas e a competição crescente de tablets, laptops e carros elétricos estão causando algumas das condições mais difíceis para o fornecimento de componentes para smartphones em muitos anos”, disse Neil Mawston, analista da Strategy Analytics. Ele estima que os preços dos principais componentes do smartphone, incluindo chipsets e monitores, subiram até 15% nos últimos três a seis meses.

Outros setores atingidos pela pandemia

O setor automotivo foi até agora o mais atingido, porque cortou os pedidos quando a pandemia atingiu, prevendo que poucas pessoas comprariam carros durante o bloqueio, e esperando poder aumentar os pedidos assim que a demanda se recuperasse. No entanto, quando isso começou a acontecer, os fabricantes de chips já estavam atendendo à demanda de fabricantes de smartphones, tablets e laptops.

O medo, no entanto, é que isso possa ser apenas o começo. Quando os fabricantes de chips estão operando com capacidade total, a única maneira de aumentar a produção é construir novas linhas de produção ou fábricas, um processo que normalmente leva anos.

No entanto, o Bloomberg aponta que o golpe para a indústria de eletrônicos muito maior, embora difícil de quantificar neste estágio inicial, pode ser muito maior. Apesar de atingida, a Apple está em uma posição melhor do que a maioria. Seu tamanho significa que é capaz de exigir dos fornecedores termos de contrato favoráveis, que geralmente incluem abastecimento prioritário e linhas de produção dedicadas. No entanto, ainda existem limites para o que pode ser alcançado.

Com informações de: 9to5Mac / Bloomberg

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!