SempreUPdate
Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

ArchAssault, sistema baseado no ArchLinux, altera seu nome para ArchStrike

A mudança do nome de ArchAssault para ArchStrike se deve, basicamente, ao marketing negativo que pode ocorrer devido ao sufixo “Assault”. Para aqueles que não conhecem, o ArchAssault é uma distribuição desenvolvida para testes de penetração e auditoria de segurança, assim como os famosos Kali Linux e Backbox Linux. Mas diferente dos citados que são baseados no Debian, o ArchAssault é baseado no ArchLinux.
Além de ser uma distribuição para hacking ético, o ArchStrike é destinada a combater pessoas ou organizações que ameaçam o anonimato na internet e a liberdade de expressão, possuindo diversas ferramentas para isso, algo muito similar a filosofia do grupo Anonymous.
ArchAssault, sistema baseado no ArchLinux, altera seu nome para ArchStrike
O ArchStrike é considerado um rival direto da distribuição Kali Linux, contendo mais de 1.450 programas, voltados para intrusão e segurança, em seus repositórios que você pode conferir clicando aqui para ver a lista. A distribuição vem optimizada para as plataformas 32-bits (i686), 64-bits (x86_64), ARMv6 e ARMv7, possuindo o Openbox como gerenciador gráfico. 
A Live ISO do ArchStrike estará disponível nas próximas semanas, mas é possível adicionar os repositórios do ArchStrike em seu Arch Linux e realizar testes. Os links para mais informações estão logo abaixo.

Fonte ArchStrike Wiki
[ads-post] 
Comentários