Notícias

Bug deixa expostas mensagens privadas do Twitter

0
Bug deixa expostas mensagens privadas do Twitter
Twitter Privacy Settings

O Twitter revelou acidentalmente alguns tweets protegidos de usuários do Android ao público em geral.  Isso aconteceu por mais de quatro anos. É o tipo de erro de privacidade que você normalmente espera do Facebook. Portanto, um bug deixa expostas mensagens privadas do Twitter. 

Como proteger os tweets

Quando você se inscreve no Twitter, todos os seus Tweets são públicos por padrão. Isso permite que qualquer um visualize e interaja com seus Tweets.

Felizmente, o Twitter também lhe dá o controle de suas informações, permitindo que você escolha se deseja manter seus Tweets protegidos.

Ativar a configuração “Protect your Tweetstorna seus tweets privados. Assim, receberá uma solicitação sempre que novas pessoas quiserem seguir você. Cabe a você aprovar ou negar. É semelhante a atualizações privadas do Facebook que limitam suas informações apenas aos seus amigos.

Em um post em sua Central de Ajuda na quinta-feira, o Twitter divulgou um bug de privacidade de 3 de novembro de 2014, o que causou a desativação da configuração “Protect your Tweets” para usuários sem o conhecimento deles, tornando seus tweets privados visíveis para o público.

Twitter explica sobre a falha

Twitter volta a ter contas invadidas após reclamação

O bug só foi acionado para os usuários do Android que fizeram alterações nas configurações da conta do Twitter, como alterar o endereço de e-mail ou número de telefone associado à conta, usando o aplicativo Android entre 3 de novembro de 2014 e 14 de janeiro de 2019.

Reconhecemos e valorizamos a confiança que você deposita em nós e estamos comprometidos em ganhar essa confiança todos os dias”, disse o Twitter em seu comunicado.

“Lamentamos muito que isso tenha acontecido e estamos realizando uma análise completa para evitar que isso aconteça novamente”.

A solução do problema

Aparentemente, em 14 de janeiro de 2019, o Twitter lançou uma atualização para o aplicativo Android para corrigir o erro de programação.

Embora o Twitter não tenha especificado exatamente quantos usuários do Android foram afetados por esse problema, quatro anos é uma duração longa. Neste período, é provável que a maioria dos usuários tenha alterado suas configurações de conta pelo menos uma vez.

O Twitter disse que a empresa entrou em contato com usuários que sabem que foram afetados pelo bug da privacidade.

Porém, o Twitter “não pode confirmar todas as contas que possam ter sido afetadas”. Então, se você estiver usando o Twitter para Android e seus tweets precisarem ser protegidos, é uma boa ideia seguir para “Privacidade e segurança“. No seu aplicativo, verifique as configurações para se certificar de que o “Protect your Tweets” está ativado.

Outros sistemas não foram afetados

Usuários de desktop e iOS podem respirar aliviados, pois não foram afetados pelo bug.

A revelação do bug surgiu no momento em que a rede social já está sob investigação da União Européia. O aplicativo é acusado de violar as novas regras do Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR).

A nova lei concede aos cidadãos europeus o direito de solicitar seus dados pessoais das empresas. No entanto, quando o Twitter recusou a solicitação de um pesquisador para dados relacionados ao seu serviço de URL curto, a Comissão de Proteção de Dados da Irlanda (DPC) abriu uma investigação.

Parece que o DPC também está ciente do último bug de privacidade no aplicativo Twitter para Android. De acordo com a Bloomberg, a comissão está investigando o assunto.

Fábio Trentino
Estudante de Gestão em Tecnologia da Informação na Universidade Centro Universitário Central Paulista - UNICEP - São Carlos - SP

Novos aplicativos para Android usam sensor de movimento para evitar detecção de malware

Previous article

Qual distribuição Linux combina com o seu signo?

Next article

You may also like

More in Notícias