SempreUPdate
Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Redes Mistas – Alternativas para máquinas rodando GNU/Linux em ambientes preparados para receber Windows!

Algumas dicas para vocês que utilizam maquinas rodando GNU/Linux em ambientes preparados para receber Windows. Hoje, em dia, em vários ambientes, podemos encontrar Macs, Pcs (Windows) e Linux. Bom, realmente é difícil, pois o ambiente foi preparado para receber maquinas com Windows, então todas as aplicações foram homologadas e preparadas para esse SO, porém precisamos criar alguns scripts que não deixam o nosso pinguim perder a produtividade. Nesta dica, saiba como configurar uma rede mista rodando GNU/Linux em ambientes preparados para Windows.

Redes Mistas – Alternativas para maquinas rodando GNU/Linux em ambientes preparados para receber Windows!

Neste cenário digamos que você esteja em um Windows Sever, para conseguir mapear o Linux é preciso configurar via Samba, para isso, primeiramente instale os seguintes pacotes:

Para Ubuntu, Debian, Duzeru, LinuxMint ou derivados:

sudo apt-get install smbfs

Para RedHat, Fedora, CentOS ou derivados:

sudo dnf install smbfs

Agora confira o script abaixo:

#!/bin/bash
 ip_server=192.168.3.9
 s=’mudar123′
 sudo mount.smbfs //$ip_server/documentos /K -o username=’seunome’,password=$s
 sudo mount.smbfs //$ip_server/softwares /S -o username=’seunome’,password=$s
 sudo mount.smbfs //$ip_server/restore /M -o username=’seunome’,password=$s
 sudo mount.smbfs //$ip_server/backup /X -o username=’seunome’,password=$s

Lembre se apenas de criar as pasta onde será mapeado as unidades, pois se não estiverem criadas, o script não as cria. Depois simplesmente, atribui esse script a um atalho.

Agora, para agilizar, veja um script que faz o “desmapeamento” dessas unidades:

#!/bin/bash
 sudo umount /K
 sudo umount /S
 sudo umount /M
 sudo umount /X

Agora vamos criar um script para que ele seja chamado por um atalho do teclado.
Você pode ter um problema no princípio, com o LDAP é o AD(Active Directory), mas pesquisando e testando todas as possibilidades de instalar o client do AD no Ubuntu, mas não consegui (tentei via Wine, Playonlinux, entre outros).

Bom, então a única maneira de acessá-lo é via Remote Desktop. Para vamos usar outro Script, mas antes, instale o pacote rdesktop.

Para Ubuntu, Debian, Duzeru, LinuxMint ou derivados:

sudo apt-get install rdesktop

Para RedHat, Fedora, CentOS ou derivados:

sudo dnf install rdesktop
 #!/bin/bash
 rdesktop -f 192.168.3.45 -u ‘usuário’ -p ‘mudar123’

Como todos os restantes criei um atalho.

Bom, são boas alternativas para você que quer utilizar uma máquina rodando alguma distro GNU/Linux. Um abraço.

Comentários