Como instalar o Police, um utilitário de interpolação de cordas, no Ubuntu, Linux Mint, Fedora, Debian

Jardeson Márcio
4 minutos de leitura

O Police é um utilitário de interpolação de cordas. Uma porta-frente da INTERPOL, uma biblioteca de interpolação de string mínima escrita em Go. Ele pode ser usado para gerar listas de entradas com base em um conjunto de regras, por exemplo, para uso em testes de penetração ou fuzzing. Neste tutorial, saiba como instalar o utilitário Police no Linux.

Police é, basicamente, uma interface de linha de comando para a Interpol. Não é tão poderoso quanto incorporar Interpol em seu próprio aplicativo (o que permite criar interpoladores e modificadores personalizados), mas ainda é muito útil se você for do tipo CLI de pessoa.

Os interpoladores podem ter um modificador de saída. Atualmente, existem os seguintes modificadores:

  • vazio: a string vazia “” (ignora a entrada);
  • len: comprimento da entrada (em bytes brutos, sem suporte UTF-8 extravagante);
  • bitflip: inverte aleatoriamente um bit (novamente, usando bytes brutos);
  • byteswap: troca aleatoriamente dois bytes (bytes brutos novamente);
  • reverso: reverso (pela primeira vez, este suporta UTF-8);
  • trim: trim text (remova o espaço antes e depois);
  • base64: codificação base64;
  • toupper: coloque todos os caracteres em maiúsculas;
  • tolower: torna todos os caracteres minúsculos;
  • capitalize: capitalize cada palavra.

Basta seguir o tutorial abaixo para instalar essa maravilhosa ferramenta em seu Linux.

como-instalar-o-police-um-utilitario-de-interpolacao-de-cordas-no-ubuntu-linux-mint-fedora-debian

Instalando o utilitário Police no Ubuntu, Kubuntu, Xubuntu e derivados!

Para instalar o Police no Ubuntu Linux. Inclusive você também pode instalar o Police no Linux Mint sem nenhum problema execute o comando abaixo:

Terminal
sudo snap install police

Instalando o Police no Fedora e derivados!

Para instalar o Police no Fedora, execute os comandos abaixo. Lembrando que caso você já tenha o suporte ao Snap habilitado no Fedora, pule para o passo 3, o de instalação do pacote:

Passo 1 – Instalar o Snapd:

Terminal
sudo dnf install snapd

Após executar o comando acima, lembre-se encerrar a sessão ou reiniciar o computador! Em seguida, vamos criar um link simbólico para ativar o suporte ao Snap clássico:

Passo 2 – Criar link simbólico:

Terminal
sudo ln -s /var/lib/snapd/snap /snap

E agora, vamos executar o comando para instalar o Police no Fedora ou derivados:

Passo 3 – Agora vamos executar o comando para instalar o Police no Fedora ou derivados:

Terminal
sudo snap install police

Instalando o Police no Debian e derivados!

Para instalar o Police no Debian, execute os comandos abaixo. Caso você já tenha  Snap ativado e habilitado no seu Debian, pule para o passo 2, que seria da instalação:

Passo 1 – Atualizar os repositório e instalar o Snapd:

Terminal
apt update
Terminal
apt install snapd

E agora, vamos executar o comando para instalar o Police no Debian ou derivados. Observe que o comando abaixo está com o sudo, caso você não o tenha habilitado, remova o sudo e instalar usando o ROOT mesmo:

Passo 2 – Agora vamos executar o comando para instalar o Police no Debian e derivados:

Terminal
sudo snap install police

É isso, esperamos ter ajudado você a instalar o Police no Linux!

Share This Article
Follow:
Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.