Tutoriais

08/11/2021 às 11:12

12 min leitura

Avatar Autor
Por Emanuel Negromonte

Como instalar várias versões do Python com o pyenv no Ubuntu, Debian, Fedora! Tenha múltiplas versões do Python!

Se você precisa de várias versões do Python em sua distribuição Linux, saiba que este tutorial vai te ajudar a ter múltiplas versões com poucos comandos e sem erros!

As melhores ofertas de software da Black Friday 2021: obtenha o Windows 10 Pro por 11€ e atualize para o Windows 11 Pro gratuitamente!

Muitos desenvolvedores Python precisam de diferentes versões da linguagem em seu sistema. No entanto, alguns acabam fazendo instalações de maneiras não recomendadas que pode causar problemas ou até mesmo sobrescrever o pacote. Com isso, alguns acabam tendo muito trabalho em ter que fazer downgrade e upgrade do Python no sistema. Dito isso, saiba que é possível instalar quantas versões do Python desejar, para isso vamos usar uma ferramenta pouco conhecida, o pyenv. Assim, saiba como instalar diferentes versões do Python no Ubuntu, Debian, Fedora, e derivados e sem problemas.

O que é o Pyenv?

O Pyenv é uma ferramenta criada para ajudar desenvolvedores, estudantes e todo público em geral, a instalar diferentes versões do Python no mesmo sistema, ou seja, você pode ter quantas versões do Python quiser. Hoje, a dica é focada no Ubuntu, Debian e Fedora, sendo estatisticamente as distribuições Linux mais utilizadas paras programar em Python.

Instalando várias versões do Python no Ubuntu, Debian, Fedora e derivados

como-instalar-varias-versoes-do-python-com-o-pyenv-no-ubuntu-debian-fedora-ou-derivados

Para começar o nosso tutorial de instalação, é preciso começar pelas dependências. Sem elas, o pyenv não vai funcionar corretamente. Para isso execute o comando abaixo:

Para Ubuntu, execute o comando abaixo:

Terminal
sudo apt-get update; sudo apt-get install make build-essential libssl-dev zlib1g-dev \
libbz2-dev libreadline-dev libsqlite3-dev wget curl llvm \
libncursesw5-dev xz-utils tk-dev libxml2-dev libxmlsec1-dev libffi-dev liblzma-dev

Para Debian, execute o comando abaixo como ROOT:

Terminal
apt-get update; apt-get install make build-essential libssl-dev zlib1g-dev \
libbz2-dev libreadline-dev libsqlite3-dev wget curl llvm \
libncursesw5-dev xz-utils tk-dev libxml2-dev libxmlsec1-dev libffi-dev liblzma-dev

Para Fedora, execute os comandos abaixo:

Terminal
sudo dnf groupinstall "Development Tools" -y
sudo dnf install zlib-devel bzip2 bzip2-devel readline-devel sqlite sqlite-devel openssl-devel xz xz-devel libffi-devel findutils -y

Instalar o pyenv no Ubuntu, Debian, Fedora e derivados

Agora, chegou o momento em que você não pode errar as ordens dos comandos. Observe que vamos destacar os comandos por linha. Para copiar o comando, clique no botão “Copiar” ao lado, e depois utilize o botão direito do mouse para colar no Terminal da sua distribuição. Desta forma, seguindo a ordem dos comandos, nós vamos instalar o pyenv, reiniciar o shell e depois verificar se o pyenv foi instalado corretamente:

Terminal
curl https://pyenv.run | bash
exec $SHELL
pyenv -v

Como instalar ou desinstalar o Python com o pyenv

A sintaxe é muito simples, para você usar o pyenv install juntamente com a versão que deseja instalar. Vamos para um exemplo prático. Digamos que você queira instalar a versão 3.9.6, já que o Ubuntu 20.04 vem com o Python 3.8 por padrão. Então, você deve executar o comando abaixo:

Terminal
pyenv install 3.9.6

E para ativar o Python Global, execute o comando abaixo:

Terminal
pyenv global 3.9.6

Como desinstalar uma versão do Python com o pyenv

Para desinstalar uma versão do Python que tenha sido previamente instalar usando o pyenv também é simples. Observe que no nosso exemplo anterior instalamos a versão 3.9.6, então vamos supor que não precisamos mais desta versão instalada. Desta forma, vamos seguir com a desinstalação desta versão do Python:

Terminal
pyenv uninstall 3.9.6

Como instalar várias versões (múltiplas) do Python com o pyenv no Ubuntu, Debian, Fedora, ou derivados!

Anteriormente vimos como instalar qualquer versão do Python no Linux, mas o fato é que se você acabou de instalar qualquer uma destas distribuições, instalar uma versão do Python por vez pode não ser interessante. Então, saiba que você também pode usar o pyenv para instalar múltiplas versões do Python em uma única linha de comando:

Terminal
pyenv install 3.8.5 3.9.6

Note que no exemplo acima, instalamos a versão 3.8.5 e 3.9.6. O separador da sintaxe é o espaço, não tente usar vírgulas ou dois espaços que o comando vai retornar erros. Bom, se você gostou do pyenv, talvez seja interessante conhecer melhor o projeto, abaixo está um botão que vai redirecionar você para o site.

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
×