SempreUPdate
Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Conheça 5 editores de vídeos para o GNU/Linux!

Conheça 5 editores de vídeos para o GNU/Linux!
O universo do GNU/Linux carece de softwares para edição de vídeos e áudio, e aqueles que existem não podem ser comparados com as edições profissionais que estão disponíveis em plataformas como MacOS X e Windows.
Devido a esse problema, muitos recorrem a softwares proprietários que muitas vezes são de uso exclusivo de uma plataforma, como é o caso dos programas vendidos pela Adobe ou dos programas desenvolvidos e vendidos pela Apple.
Felizmente, com o aumento de relevância dos sistemas GNU/Linux, muitas ferramentas têm surgido e a carência de softwares para área multimídia tem diminuído.
Nesse artigo apresentarei 5 editores de vídeos para usar em sua distribuição GNU/Linux.

1 – Pitivi

O Pitivi é uma ferramenta escrita em Python sob a licença LGPL, que utiliza as bibliotecas Gstreamer e Gtk+ para processar arquivos multimídia.
A interface do Pitivi é simples, porém muito intuitiva e você pode realizar modificações para adicionar funcionalidades específicas como o editor de legendas.
Principais características
  • Suporte a vários formatos de vídeo
  • Suporte a vários formatos de áudio
  • Suporte a várias resoluções de saída de vídeo
Pitivi

2 – OpenShot

O OpenShot nasceu em 2013 de uma campanha de financiamento coletivo do Kickstarter, o projeto foi desenvolvido em Python e é um dos mais populares editores de vídeos do GNU/Linux. Mas, o OpenShot não é de exclusividade do GNU/Linux, ele também está disponível para os sistemas MacOS X e Windows.
Principais características:
  • Suporte para múltiplas pistas
  • Mudança de velocidade do vídeo (câmera lenta, etc.)
  • Efeitos de transição
  • Integração com Blender e Inkscape
  • Suporte a vários formatos de vídeo e áudio
OpenShot

3 – Avidemux

O Avidemux é um editor simplista, gratuito e com suporte a vários formatos de vídeos como DivX, VCD, Avi, DVD, MPEG, MP4 e ASF.
Além utilizá-lo em distribuições GNU/Linux, o Avidemux possui suporte para os sistemas MacOS X e Windows.
Avidemux

4 – Lightworks

O Lightworks é um software de edição de vídeo de nível profissional, tão profissional que foi utilizado por Thelma Schoonmaker na edição do filme “O Lobo de Wall Street” e por Tariq Anwar na edição do filme “O Discurso do Rei” pelo qual foi indicado ao Oscar de Edição.
A ferramenta está disponível em uma versão gratuita e em uma versão paga, é multiplataforma com suporte aos sistemas GNU/Linux, MacOS X e Windows.
Principais características
  • Possibilidade de exportar direto para o Youtube e Vimeo na resolução de 1080p
  • Ampla galeria de efeitos de áudio e vídeo
  • Suporte para Drag and Drop
Lightworks

5 – Kdenlive

O Kdenlive é uma potente ferramenta para edição de vídeos sob código aberto, gratuito e com suporte para plataformas GNU/Linux, BSD e MacOS X.
Principais características
  • Edição com várias pistas de áudio e vídeo
  • Suporte a vários formatos de vídeo e codecs (Mpeg2, mp4, h264, MP2, MP3)
  • Suporte a exportação de vídeos nos formatos AVCHD (HDV), DV (PAL e NTSC) e Mpeg2 (PAL, NTSC e HDV)
Kdenlive
Essas foram algumas ferramentas de edição que estão disponíveis no GNU/Linux, você conhece outra ferramenta? Deixe nos comentários!


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Comentários