Conheça as dicas de segurança para o Ubuntu 18.04 LTS

Centro Nacional de Segurança Cibernética do Reino Unido (parte do GCHQ) publicou um novo relatório cheio de conselhos sobre como melhorar a segurança do Ubuntu 18.04 LTS. O NCSC é um órgão do governo do Reino Unido responsável pela emissão de conselhos de segurança para o público, empresas e partes interessadas do setor privado. Sobretudo, ela informa sobre como evitar ameaças à segurança de computadores. Da mesma forma, também é responsável por coordenar uma resposta a quaisquer incidentes ou violações de segurança on-line. Neste post, conheça as dicas de segurança para Ubuntu 18.04 LTS.

Comunicado recente se concentra no Ubuntu

Conheça as dicas de segurança do governo do Reino Unido para o Ubuntu 18.04 LTS

Logo da NCSC do Renino Unido.

Contudo, o Ubuntu não é o único objeto alvo dos conselhos. Do mesmo modo, o órgão já emitiu conselhos com o objetivo de melhorar a segurança ao usar outras aplicações. Como exemplo, temos Chrome OS, Android, Microsoft Office 365, Windows 10, e o Google Docs

Agora, em seu mais recente comunicado publicado, o departamento se concentra no sistema operacional Ubuntu 18.04 LTS, lançado em abril de 2018.

Lista de verificação de segurança do Ubuntu 18.04 LTS do NCSC

De acordo com relatório, “por padrão, o Ubuntu possui alguns recursos que podem ser uma preocupação de privacidade”. Além de empresas as dicas são úteis também para usuários domésticos.

Cada relatório é baseado em 12 princípios de segurança, que abrangem tarefas como proteção de dados, autenticação, inicialização segura e política de atualização de dispositivos.

A orientação de segurança do NCSC para o Ubuntu 18.04 LTS sugere seguir as seguintes etapas (entre outras) para atender a esses princípios:

  • Configurar o acesso remoto via VPN;
  • Melhorar as senhas com o módulo de qualidade de senha do PAM;
  •  Definir um tempo limite máximo de bloqueio de tela;
  • Desativar relatório de erros;
  • Configurar o UEFI para proteção segura de inicialização;
  • Ative o Livepatch para atualizações do kernel sem reinicializar;
  • Instale somente Snaps no Snap Store;
  • Proteção de interface externa;
  • Impedir a execução de arquivos binários da partição inicial;
  • Ativar um firewall.
Porém, é importante destacar que tudo isso são dicas e não instruções obrigatórias. Além disso, o Ubuntu 18.04 LTS vem com uma segurança robusta, avisos regulares e atualizações de segurança contínuas.

Enfim, você pode ver a publicação completa do NCSC usando o link abaixo:

Recomendações do NCSC

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Novo ataque NetSpectre pode roubar segredos da CPU via conexões de rede

Previous article

Kernel Linux 4.18 deve sair neste final de semana

Next article

You may also like

More in Notícias