in

Correção de bugs domina semana de desenvolvimento do KDE

Veja as principais alterações.

KDE resolve problemas antigos e configura o Scroll Speed no Wayland

A semana foi pesada para desenvolvedores do GNOME 3.36 e também do projeto KDE. Ambos tiveram que lidar, coincidentemente, com muitas correções de bugs. No caso do GNOME, a correira foi mais intensa devido a previsão de estreia do GNOME 3.36 dia 11 de março. Assim, esta foi mais uma semana em que a correção de bugs domina o desenvolvimento do projeto KDE.

O desenvolvedor do KDE, Nate Graham, descreveu a atividade do KDE desta semana como “correção sem fim de erros”.

Um dos desafios de um catálogo de software tão amplo que permite uma personalização tão extensa é, essa: bugs. Mais código e mais opções significam mais erros. Portanto, a correção de bugs é um desafio sem fim, e é nisso que nos concentramos nesta semana!

Não apenas trabalhamos na correção de bugs, mas também há muito trabalho interessante em segundo plano para unificar várias bases de código, usar mais códigos compartilhados e adotar estruturas comuns, tanto para back-end quanto para interfaces de usuário. Não é um trabalho muito glamouroso, mas você verá o impacto na redução de bugs daqui para frente!, disse Nate.

Correção de bugs domina semana de desenvolvimento do KDE

Entre as correções do KDE nesta semana estão:

  • correções no programa Okular;
  • o suporte ao Samba do gerenciador de arquivos do Dolphin agora funciona com endereços IPv6;
  • uma possível falha do plasma ao adicionar e remover widgets;
  • aprimoramentos do indexador Balooo e outras correções.

Também houve algumas pequenas melhorias na interface do usuário.

Correções de bugs e melhorias de desempenho

Correção de bugs domina semana de desenvolvimento do KDE

  • Ao usar a ação “Mostrar pasta contendo” presente em muitos aplicativos do KDE, o item agora é destacado corretamente se a pasta que o contém já estava visível em uma janela existente do Dolphin;
  • Corrigida uma falha visual na renderização de miniaturas do Okular durante a rolagem;
  • O Okular agora renderiza corretamente as imagens rotacionadas em arquivos de quadrinhos;
  • O suporte ao Samba do Dolphin agora funciona com endereços IPv6;
  • Corrigida uma falha comum do plasma ao adicionar ou remover widgets;
  • A página Áudio das configurações do sistema não possui mais uma barra de rolagem inferior desnecessária e agora parece adequada ao usar um fator de escala fracionário;
  • Alterar a ordem dos botões da barra de título agora aplica essa alteração na execução de aplicativos GTK3 imediatamente;
  • Nos aplicativos do KDE, o texto na interface do usuário que deveria estar em negrito agora é renderizado em negrito como pretendido;
  • A opção “Executar no Terminal” agora funciona quando o Wayland e o Konsole são o emulador de terminal padrão;
  • Agora, vários ícones no plasma respeitam e refletem melhor seu esquema de cores;
  • O indexador de arquivos Baloo percebe e re-indexa arquivos que foram alterados durante o processo inicial de indexação;
  • A nova exibição de miniaturas da janela “Obter nova coisa” funciona.

Melhorias na interface do usuário

  • modo aleatório do Elisa agora reorganiza visualmente as músicas na lista de reprodução para que você possa ver a ordem aleatória
  • Para o aplicativo Telegram, adicionamos um novo ícone da bandeja do sistema monocromático e refinamos o ícone do aplicativo para ser mais fiel ao original:
    Screenshot_20200307_222913

Mais detalhes sobre as correções do KDE esta semana no blog de Graham.

O que você achou disso:?

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.

GNOME Shell e Mutter 3.36 lançado com correções de última hora

GNOME Shell e Mutter 3.36 lançado com correções de última hora

AMD desenvolveu uma APU de 8 núcleos

Todos os processadores AMD lançados desde 2013 estão vulneráveis a novos ataques graves