in

Edward Snowden pede asilo à França

O ex-agente da Agência de Segurança Nacional norte-americana (NSA) disse que espera que o presidente francês lhe conceda esse direito.

Edward Snowden pede asilo à França

O denunciante Edward Snowden, que vive na Rússia desde que vazou um grande número de documentos classificados mostrando o escopo da vigilância do governo pós-11 de setembro. No entanto, Edward Snowden pede asilo à França, de acordo com uma entrevista publicada no sábado.

Lembrando que, ele já havia pedido asilo francês em 2013 sob o ex-presidente François Hollande, Snowden, cujas memórias “Permanent Record” serão publicadas amanhã, dia 17, disse à rádio France Inter que espera que o presidente Emmanuel Macron lhe conceda esse direito.

O mais triste de toda essa história é que o único lugar em que um denunciante americano tem chance de ser ouvido não é na Europa, mas aqui (na Rússia), disse Snowden em um trailer da entrevista a ser transmitida.

O drama e o livro de Snowden

Até o momento, mais de uma dúzia de países recusaram pedidos para receber o jovem de 36 anos, levando-o a questionar seu raciocínio e “o sistema em que vivemos”.

Proteger os denunciantes não é um ato hostil, disse ele.

As memórias de Snowden serão publicadas em cerca de 20 países. O livro está sendo publicado globalmente pela Macmillan Publishers.

Edward Snowden pede asilo à França

Snowden, que já trabalhou para a CIA além da NSA, vive na Rússia desde que vazou milhares de documentos classificados para a imprensa em 2013, que revelaram o escopo da vigilância do governo dos EUA após o 11 de setembro.

Embora elogiado como um denunciante e defensor da privacidade por seus defensores, os Estados Unidos o acusam de colocar em risco a segurança nacional e as acusações de espionagem poderiam mandá-lo para a prisão por décadas.

Em um vídeo em sua conta no Twitter, Snowden disse na semana passada que

Tudo o que fazemos agora dura para sempre, não porque queremos lembrar, mas porque não podemos mais esquecer.

Ajudar a criar esse sistema é meu maior arrependimento, disse ele.

Para quem não acompanhou esta dramática e impressionante trajetória de Edward Snowden, onde primeiro ele pede asilo a diversos países, recomendo que assista o premiado documentário ‘Citizenfour’, ganhador do Oscar de 2015:

Fonte: SecurityWeek