Explorando Relações de Dados e Comparando Tabelas com SQLite

Emanuel Negromonte
3 minutos de leitura

SQLite é um sistema de gerenciamento de banco de dados que é popular por sua eficiência e capacidade de interface com muitas linguagens de programação diferentes. Neste tutorial, você aprenderá a instalar o SQLite, criar um banco de dados, ler dados dele, inserir itens, excluir itens e unir itens de tabelas separadas.

Instalando o SQLite

Para instalar a interface de linha de comando do SQLite, primeiro atualize sua lista de pacotes:

sudo apt update

Agora instale o SQLite:

sudo apt install sqlite3

Para verificar a instalação, verifique a versão do software:

sqlite3 --version

Você receberá uma saída como esta:

Output 3.31.1 2020-01-27 19:55:54 3bfa9cc97da10598521b342961df8f5f68c7388fa117345eeb516eaa837balt1

Com o SQLite instalado, você está agora pronto para criar um novo banco de dados.

Criando um Banco de Dados SQLite

Nesta etapa, você criará um banco de dados contendo diferentes tubarões e seus atributos. Para criar o banco de dados, abra seu terminal e execute este comando sqlite3:

sqlite3 sharks.db

Isso criará um novo banco de dados chamado sharks. Se o arquivo sharks.db já existir, o SQLite abrirá uma conexão com ele; se não existir, o SQLite o criará.

Trabalhando com o Banco de Dados

Agora que temos nosso banco de dados, podemos começar a trabalhar com ele. Vamos criar uma tabela para armazenar informações sobre diferentes tipos de tubarões. Em seguida, inseriremos alguns dados nessa tabela. Finalmente, mostraremos como você pode consultar esses dados e exibir os resultados.

Criando uma Tabela

Vamos criar uma tabela chamada sharks que terá colunas para id, name, species, e age. Você pode fazer isso com o seguinte comando SQL:

CREATE TABLE sharks (
    id INTEGER PRIMARY KEY,
    name TEXT,
    species TEXT,
    age INTEGER
);

Inserindo Dados

Agora que temos nossa tabela, podemos inserir alguns dados nela. Vamos adicionar alguns tubarões à nossa tabela:

INSERT INTO sharks (name, species, age) VALUES ('Jaws', 'Great White', 25);
INSERT INTO sharks (name, species, age) VALUES ('Deep Blue', 'Great White', 50);
INSERT INTO sharks (name, species, age) VALUES ('Mary Lee', 'Great White', 20);

Consultando Dados

Agora que temos alguns dados em nossa tabela, podemos consultar esses dados. Por exemplo, podemos selecionar todos os tubarões em nossa tabela com o seguinte comando SQL:

SELECT * FROM sharks;

Isso retornará todos os tubarões em nossa tabela.

Conclusão

Neste tutorial, você aprendeu como instalar o SQLite, criar um banco de dados, inserir dados e consultar esses dados. Com essas habilidades, você está bem equipado para começar a trabalhar com SQLite em seus próprios projetos!

Share This Article
Follow:
Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.