Fedora 29 é finalmente lançado

Agora é oficial. O Fedora 29 é finalmente lançado e está disponível para download.  Esta é a versão mais recente desta distribuição Linux patrocinada pela Red Hat. O Fedora 29 vem com muitas novidades nas suas versões. Além do Workstation, há o lançamento do Fedora Silverblue, em substituição ao antigo Atomic. Da mesma forma, o Fedora Server continua sendo uma ótima base para o provável RHEL8. Existem vários outros aprimoramentos em torno do Fedora.

O Fedora 29 traz muitos novos recursos. Isso afetará quase todos os usuários de uma forma ou de outra.

Os principais componentes do Fedora 29 incluem:

  • GNOME Shell 3.30.1 no Wayland;
  • Kernel Linux 4.18;
  • Compilador GCC 8.2.1;
  • e o X.Org Server 1.20.1.

Agora, estamos anunciando o lançamento do Fedora 29 – não apenas “core”, mas também WorkstationServer , Atomic Host, uma coleção inteira de Spins desktop e labs especiais, imagens para dispositivos Cloud e ARM, versões para Power e S390 e muito mais.

Esta é, novamente, a melhor versão do sistema operacional Fedora de todos os tempos. Então vá para https://getfedora.org/ e faça o download agora. Ou se você já estiver executando uma versão do Fedora, siga as instruções de atualização, diz o comunicado.

Saiba mais sobre essa ótima atualização no Fedora Magazine.org.

RHEL também atualizado

A Red Hat também anunciou a versão do RHEL 7.6. O Red Hat Enterprise Linux 7.6 traz várias atualizações de segurança, melhorias no contêiner, suporte para as Funções do Sistema e outras mudanças. Ainda não há notícias dos pré-lançamentos públicos do Red Hat Enterprise Linux 8.0.

Modularidade

Este lançamento é particularmente interessante porque é o primeiro a incluir o recurso Fedora Modularity em todas as nossas diferentes variantes. A modularidade nos permite enviar diferentes versões de pacotes na mesma base do Fedora.

Isso significa que você não precisa mais tomar todas as suas decisões de atualização do sistema operacional com base em versões de pacotes individuais. Por exemplo, você pode escolher o Node.js versão 8 ou versão 10, no Fedora 28 ou no Fedora 29. Ou você pode escolher entre uma versão do Kubernetes que corresponda ao OpenShift Origin, e um fluxo de módulo que segue o upstream.

Outras grandes mudanças incluem o GNOME 3.30 na área de trabalho, o ZRAM para nossas imagens ARM e uma imagem Vagrant para o Fedora Scientific. Como sempre, integramos um grande número de pacotes atualizados. Obrigado a todos da incrível comunidade do Fedora por todo o seu trabalho nesta versão!

Fedora CoreOS e Internet das Coisas

Embora o “Fedora Core” tenha desaparecido, nos próximos seis meses o Fedora CoreOS  substituirá o Atomic Host como edição focada em contêineres.

Esperamos adicionar oficialmente nossa Internet of Things Edition  para o Fedora 30. E fique de olho no Fedora Silverblue. Ele usa as mesmas tecnologias do CoreOS e IoT para criar um ambiente de área de trabalho consistente e voltado para contêineres.

Portanto, se você já é um usuário do Fedora, atualize o sistema e siga em frente. Da mesma forma, se você não for, este é o momento perfeito para embarcar. Então, baixe um instalador, imagem do dispositivo ou inicie o Fedora Atomic Host na nuvem a partir de https://getfedora.org/ agora!

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Manjaro 18.0 é lançado. Tails e Kali também são atualizados

Previous article

Disco Dingo pode ser o nome do Ubuntu 19.04

Next article

You may also like

More in Notícias