in

Gigabyte diz que as placas-mãe Intel Z490 suportarão CPUs Rocket Lake de 11ª geração

A Intel não incorporou o suporte ao PCIe 4.0 nos processadores Comet Lake que você poderá comprar este ano.

A Intel descartou planos de oferecer suporte ao PCIe 4.0 com CPUs Comet Lake-S, optando por entregá-lo com o Rocket Lake em 2021. Agora sabemos que isso não virá com a necessidade de uma placa-mãe diferente, o que elimina algumas das confusões associadas com fabricantes descrevendo algumas de suas placas-mãe Z490 como “preparadas para PCIe 4.0”.

Gigabyte diz que as placas-mãe Intel Z490 suportarão CPUs Rocket Lake de 11ª geração

Os mais recentes processadores Comet Lake-S de 10ª geração da Intel vão consumir muita energia, especialmente os mais sofisticados. E como eles exigem um novo soquete LGA 1200, os jogadores e entusiastas vão querer emparelhá-los com as placas-mãe Z490.

As placas-mãe Z490 trazem uma série de novos recursos, principalmente suporte ao PCIe 4.0 e chipsets de rede com e sem fio muito aprimorados, dependendo do modelo. Algumas delas custam US$ 700, então a pergunta óbvia para todos é: essas placas-mãe suportam os processadores da próxima geração da Intel, que estão previstos para lançamento em 2021? A resposta é sim. Aparentemente, pelo menos, o suporte aos Rocket Lake-S está garantido.

A Gigabyte confirmou

A Gigabyte confirmou isso recentemente durante sua mais recente transmissão ao vivo do Aorus Direct. Aqueles que gostam de proteger o futuro o máximo possível certamente terão alguma tranquilidade sabendo que as placas-mãe Z490 suportam os processadores Rocket Lake. A AMD teve muito sucesso com essa estratégia com o Ryzen e o soquete AM4.

Para quem não sabe, a Intel não incorporou o suporte ao PCIe 4.0 no chipset Z490 ou nos processadores Comet Lake que você poderá comprar este ano. Além disso, as placas gráficas nem estão atingindo os limites do PCIe 3.0. Todavia, é uma história diferente se você estiver interessado em aproveitar os SSDs do PCIe 4.0.

Gigabyte diz que as placas-mãe Intel Z490 suportarão CPUs Rocket Lake de 11ª geração
A AMD teve muito sucesso com essa estratégia com o Ryzen e o soquete AM4. Imagem: Reprodução | Tech Spot.

Os processadores Rocket Lake de última geração virão com 20 pistas PCIe 4.0. Assim, fabricantes como a Gigabyte estão promovendo suporte para isso em seus materiais de marketing. Vale ressaltar que o representante da Gigabyte que confirmou o suporte ao Rocket Lake nas placas-mãe Z490 estava hesitante em fornecer as informações, o que sugere que a Intel pode não querer revelar isso neste momento.

Fonte: Tech Spot