GitHub anuncia Innovation Graph, fonte de dados sobre desenvolvimento de software no mundo

Claylson Martins
4 minutos de leitura

O GitHub anuncia Innovation Graph, uma fonte de dados sobre desenvolvimento de software no mundo. O GitHub acaba de anunciar o lançamento do GitHub Innovation Graph, plataforma de dados abertos e insights sobre o impacto global e local dos desenvolvedores. A nova plataforma, que já está disponível para consulta e download de dados, rastreia a colaboração entre economias globais e divulga números sobre as atividades dos mais de 100 milhões desenvolvedores de software que contribuem no GitHub.

De acordo com Mike Linksvayer, Vice-Presidente de Política de Desenvolvedores do GitHub, durante muito tempo as medidas de inovação se concentravam apenas em tópicos como patentes e documentos de investigação, enquanto pessoas formuladoras de políticas públicas, pesquisadoras e outros profissionais tinham dificuldade para encontrar dados confiáveis sobre as tendências globais no desenvolvimento de software. 

“O Innovation Graph inclui métricas longitudinais para economias de todo o mundo e está sendo lançado com uma página na web e um repositório dedicado. Também fornece dados trimestrais sobre git push, devs, organizações, repositórios, linguagens de programação, licenças, tópicos e colaboradores econômicos desde 2020”, afirma Linksvayer.

Brasil é destaque no GitHub

Entre os principais números globais, os dados do Brasil se destacam. Um levantamento do primeiro trimestre de 2023 apontou que há mais de 3,7 milhões de pessoas desenvolvedoras individuais brasileiras e mais de 205 mil organizações brasileiras no GitHub. O Innovation Graph também revelou que brasileiros enviaram código mais de 6,2 milhões de vezes, e tanto indivíduos quanto empresas detinham mais de 9,8 milhões de repositórios na plataforma, apenas nesse período. Os principais países colaboradores do Brasil, no GitHub, foram os Estados Unidos, o Canadá e o Reino Unido.

Além disso, em relação às principais linguagens de programação, JavaScript foi a linguagem de programação mais bem classificada no Brasil, com base no número de pessoas desenvolvedoras únicas que enviaram código no GitHub, seguida por Typescript e Python. 

Principais objetivos do GitHub Innovation Graph

Com o Innovation Graph, é possível visualizar e explorar o contexto mais amplo das contribuições (também onde indivíduos poderão verificar o contexto mais amplo de suas próprias contribuições), quais linguagens e tópicos específicos estão em alta nos interesses da comunidade open source, como indivíduos estão colaborando com a economia, entre outros dados agregados que anteriormente exigiam provedores de dados terceirizados ou não estavam disponíveis para o público. O Innovation Graph rastreia a colaboração à medida que soma git push enviados e pull requests abertos de uma economia para outra. 

“Notamos o surgimento de pesquisas indicando que as contribuições de código open source no GitHub estão associadas a mais startupsinovações aprimoradas e dezenas de bilhões de euros em PIB. Por isso, esperamos que ao facilitar o acesso aos dados, mais pesquisas e políticas públicas sejam feitas, resultando em mais oportunidades para pessoas desenvolvedoras”, explica o Vice-Presidente de Política de Desenvolvedores do GitHub.

Em uma pesquisa encomendada pelo GitHub, a consultoria Tattle descobriu que pessoas pesquisadoras nas áreas de desenvolvimento, políticas públicas e economia estavam interessadas em usar os dados da plataforma, mas enfrentavam muitas barreiras na obtenção e uso dessas informações. “Queremos quebrar essas barreiras ao fornecer o GitHub Innovation Graph”, reforça Mike Linksvayer.

Share This Article
Follow:
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.