SempreUPdate
Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Lançado o Fedora 25 Beta! Confira as principais mudanças!

Lançado o Fedora 25 Beta! Confira as principais mudanças!

O Projeto Fedora anunciou hoje, 11 de Outubro, a disponibilidade para download da versão Beta do Fedora 25. A versão final será lançada oficialmente em 25 de Novembro.

As atualizações prometidas para esta versão não são apenas do sistema operacional, com os mais recentes pacotes. Inclui também o processo de inovação para as multiplataformas que o projeto representa: Workstations, Server, Atomic e os vários ambientes gráficos.
Então, o que o usuário pode esperar da nova versão?

Principais mudanças

Algumas serão vistas em todos os aspectos do Fedora, incluindo:
  • Docker atualizado para a versão 1.12;
  • Suporte para autoridades de certificação (1024 bits) mais fracos foram removidos;
  • Node.js atualizado para a versão 6.x;
  • “Arquiteturas secundárias” agora conhecido como “arquiteturas alternativas”;
  • Rust: Fedora 25 traz o suporte para programação em Rust. O Rust é uma linguagem de programação incrivelmente rápida e evita quase todos as erros de funcionamento, falhas de segmentação e ‘data races’;
  • Python: junto com as versões Python incluídas no Fedora 25 (3.5 e 2.7), programadores Python agora podem instalar as versões 3.4, 3.3 e 2.6 a partir dos repositórios, bem como PyPy, PyPy3 e Jython que já se encontravam nos repositórios.

Fedora Workstation

A edição Workstation do Fedora 25 Beta também apresenta suas mudanças:
  • Gnome 3.22: incluído no pré-lançamento e na versão final. Traz entre os novos recursos a possibilidade de renomear múltiplos arquivos, um novo design para a ferramenta de configuração de teclado e muitas outras melhoras de usabilidade;
  • Fedora Media Writer: a nova ferramenta faz o download do Fedora mais estável e recente para você e o ajuda a escrevê-lo em um dispositivo USB ou DVD-R(W). Também está disponível para Windows, MacOs e Linux;
  • Wayland: apesar de estar em desenvolvimento há um bom tempo e mesmo possuindo alguns bugs, a equipe acredita que está pronto para servir como um padrão para muitos usuários. Mais calma, você ainda poderá selecionar o velho X11, caso tenha algum problema com o Wayland;
  • Melhor suporte ao Flatpak: a ferramenta Software tem a capacidade de instalar, atualizar e remover software Flatpak quando o sistema apontar para um repositório Flatpak;
  • Extensões do Gnome Shell não são verificados quanto à compatibilidade com a versão atual do Shell. A medida foi necessária porque as interfaces do Gnome estavam mudando com frequência durante os primeiros dias do Gnome 3. Como o Gnome está mais estável no momento, as extensões podem ter algum problema com novos lançamentos, então, quaisquer problemas com uma extensão devem ser comunicadas ao autor da mesma.

Fedora Server

A versão Server também terá algumas mudanças interessantes, entre elas:
  • O módulo SELinux Troubleshooter: Cockpit terá agora um módulo solucionador de problemas semelhante ao Fedora Workstation. Se um sistema encontrar uma negação SELinux, ele irá exibir as informações sobre a questão e as sugestões para corrigir o problema. Sem o módulo, o administrador tem que prestar atenção que ocorreu um erro e verificar os arquivos de log atrás da causa do erro e ainda procurar a solução para o problema. O SELinux Troubleshooter apresenta tudo de forma clara para o sysadmin;
  • SSH Display Keys: No painel do sistema aparecerá a informação de que as chaves SSH foram adicionadas ao sistema;
  • Inclui suporte para a formação de equipes de rede, volume Docker e administração de armazenamento, bem como um temporizador de unidades Systemd;
  • Suporta autenticação em múltiplos passos (incluindo autenticação com dois fatores).

O sistema de gerenciamento de identidade, FreeIPA, foi atualizado para a versão 4.4 e inclui:
  • Gerenciamento de topologia: para grandes implantações, agora pode ser utilizado visualmente através da ferramenta web;
  • DNS: Gestão de DNS em FreeIPA agora suporta sites específicos locais;
  • FreeIPA Autoridade Certificadora: agora é possível criar Autoridades de Certificação subordinadas para emissão de certificados com âmbito específico;
  • Indicador de autenticação Kerberos: Kerbedos KDC agora leva os indicadores de autenticação em consideração ao publicar registros de serviço. Isto permite, por exemplo, exigir dois fatores de autenticação utilizando credencial Kerberos antes de obter permissão de um serviço de VPN;
  • Melhorias na integração do Active Directory: uma série de recursos foram adicionados para ambientes corporativos;
  • FreeIPA agora suporta nomes e sufixos principais do usuário a partir do Active Directory e permite que usuários FreeIPA tenham um alias Kerberos;
  • Usuários do AD agora podem gerir os próprios detalhes através da linha de comandos, incluindo chaves SSH públicas e certificados;
  • No caso de confiar em várias florestas do AD, FreeIPA é capaz de resolver automaticamente os conflitos de roteamento de namespace DNS;
  • Quadro FreeIPA ganhou suporte para plugins externos;
  • Desempenho do FreeIPA foi otimizado para ambientes de grande porte.

Fedora Atomic

O Fedora Atomic inclui uma imagem base adequada para a criação de máquinas virtuais, sendo a imagem do anfitrião Fedora Atomic para a criação de hospedeiros de containers, e uma imagem Docker. Este aspecto representa algumas das mudanças mais emocionantes, pois habilita espaços para desenvolvimento em nuvem, com uma plataforma fantástica. Enquanto o Fedora 25 Atomic Host não será liberado neste Beta, o Projeto Fedora pretende mudar o Fedora Atomic para estar nas bases do Fedora 25.
O Fedora Atomic irá substituir o Fedora Cloud como uma das três edições principais do Fedora. A imagem do Fedora Cloud continuará disponível para os usuários que querem construir um ambiente em nuvem baseado num rpm mais tradicional.

Spins e mais

Além das mudanças já mencionadas, ainda teremos mudanças no KDE, que apresenta novos pacotes melhorados para música, vídeo e gerenciamento de informações pessoas, no Xfce, que inclui melhorias no terminal, notificações e gerenciamento de energia, no Mate-Compiz, que apresenta uma atualização para a versão 1.16 e um kit de ferramentas GTK+3.

Comentários