Lubuntu muda foco do projeto

O Lubuntu, um das variações mais populares e queridas por quem gosta do Ubuntu e precisa de leveza deve migrar em breve para o Wayland. A notícia foi publicada hoje no site Lubuntu.me que é o site oficial do projeto, onde especificamente é publicado as mudanças que ocorreram no Lubuntu.

Como vocês já sabem, o Lubuntu agora usa o LXQt e agora, o foco dos desenvolvedores é portar o Openbox para que funcione com o Mir e ao mesmo tempo, dar um up no QtLayerShell. Para quem não acompanhou, o Mir já é compatível com o Wayland desde o ano passado.

A implementação do X é antiga e não será atualizada para abordar a maneira como o Linux para desktop é usado atualmente. Os gerenciadores de janela são uma reflexão tardia e muitas coisas não são implementadas corretamente. Wayland é uma visão moderna do sistema de exibição do Linux.

Ainda no anúncio há uma pergunta sobre os usuários de placas Nvidia e a equipe diz que até a migração estas placas devem funcionar, e que eles vão trabalhar muito para que isso aconteça. E mais uma vez eles desmistificam o Mir informando que o projeto não foi descontinuado e que alguns funcionários da Canonical o mantém até hoje.

A notícia foi dada com muita antecedência, geralmente a equipe do Lubuntu possui planos de longa data e essa novidade deve chegar no Lubuntu 20.10, ou seja, em 2020 no mês de outubro como de costume. Por hora, a equipe esta dando mais atenção ao Lubuntu 18.10 que vai ser lançado este ano com melhorias importantes em torno do instalador Calamares e um novo centro de boas vindas reformulado e muitos outros ajustes.

Valve poderá rodar jogos do Windows no Linux

Previous article

Como verificar o consumo de memória no Ubuntu via terminal

Next article

You may also like

More in Notícias