A crise econômica que afeta, atualmente, quase todos os setores da sociedade brasileira, também atingiu a Campus Party deste ano. O evento terá uma versão mais enxuta no Recife, segunda cidade a recebê-lo no Brasil. A edição 2016 terá dois dias de programação intensa – dois a menos do que no ano passado – e conexão de internet por wi-fi, ao contrário do acesso via cabo que era feito antes. Por conta da redução do evento, o tradicional acampamento também não acontecerá. Isso tudo gerará uma economia de 50% no valor final, segundo os organizadores.

Para driblar crise, Campus Party terá versão enxuta em agosto no Recife

Com o tema “Feel the future”, o evento ocorre nos dias 20 e 21 de agosto no Classic Hall, localizado no Complexo de Salgadinho, Olinda. Os ingressos custam R$ 50 (veteranos) e R$ 65 (novatos). Eles podem ser adquiridos pela página da Campus Party.

Essa será a segunda vez que a organização realiza um modelo mais econômico do festival. O primeiro foi realizado há alguns meses no México. Mesmo com essas duas novidades, que pretendem baratear a festa, o presidente do Instituto Campus Party, Francesco Farruggia, garante que a qualidade no conteúdo e na programação permanecerão intactas. Quanto ao acampamento, por ser tratar de apenas um final de semana de programação, o ato de montar a cabana perdeu o sentido, de acordo com o presidente.
“É melhor ter um formato reduzido do que não ter. Se no futuro a situação financeira no Brasil e no mundo melhorar e os campuseiros continuarem fieis ao evento, a gente pode voltar a fazer uma coisa maior nos próximos anos. Hoje, o que dá para fazer é isso e com muita dificuldade”, pondera.
Francesco defendeu que a mudança de intranet para wi-fi não causará nenhum impacto para os participantes, já que, segundo ele, é por meio da conexão sem fio que se dá a maioria dos acessos nos dias de hoje.
Ao todo, a organização espera cerca de 20 mil pessoas que poderão curtir mais de 100 palestras e atividades distribuídas em quatro palcos: principal, inovação, ciência e empreendedorismo. O evento ainda terá dois espaços para workshop, um espaço para desafios – com programações, discussões e mentorias – e uma sala de educação digital. Tudo isso embalado com muita música e atrações até a madrugada.
Ainda entre as atrações, uma guerra de drones promete animar os amantes de tecnologia. Para aproveitar a estrutura já montada e todo o momento tecnológico, a Campus Party sediará a etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica. São mais de 1.120 estudantes da rede pública e privada que deverão apresentar seus robôs em uma prova de desafios manuais.
“É um esforço muito grande. Todo mundo sabe que o país está passando por uma grande dificuldade financeira. É um ano para gente fazer inovações, um ano para gente encontrar novos caminhos“, comenta o prefeito do Recife, Geraldo Julio. A grande final da olimpíada nacional também ocorrerá na capital pernambucana nos dias 8 e 12 de outubro.
Via G1
[ads-post]
Redação
Este usuário é utilizado quando um post é migrado de um usuário para outro, ou quando alguém envia um conteúdo ao SempreUPdate.

    Vaga para Analista de Negócios na área de TI!

    Previous article

    Vaga para Analista de Desenvolvimento JAVA PL – Recife – PE

    Next article

    You may also like

    More in Linux