Notícias

11/11/2021 às 17:30

5 min leitura

Avatar Autor
Por Jardeson Márcio

Qualcomm Snapdragon Spaces: Uma plataforma para dispositivos AR

A empresa tenta impulsionar a realidade aumentada

Qualcomm Snapdragon Spaces: Uma plataforma para dispositivos AR

Todas as atenções das últimas semanas, foram voltadas para o famoso Metaverso, com o Facebook até mudando de nome, para demonstrar seu interesse nessa tecnologia. Mas, embora a AR (realidade aumentada) seja o próximo passo em direção ao Metaverso, os produtos que a suportam ainda precisam ser totalmente amadurecidos. E agora, a Qualcomm busca impulsionar o desenvolvimento desses produtos relacionados a AR por meio de sua nova plataforma de software, Snapdragon Spaces.


Com o Snapdragon Spaces, a gigante da fabricação de chips busca preencher a lacuna entre smartphones e óculos AR. Isso, por sua vez, também implica que várias marcas de smartphones provavelmente também lançarão seus próprios óculos com a tecnologia, lembra o Gizchina.

Assim, seus óculos AR funcionarão com seu smartphone por meio do novo software Snapdragon Spaces. A Qualcomm acrescentou que criou a “Snapdragon Spaces XR Developer Platform” para ajudar os desenvolvedores a melhorar seus aplicativos existentes, ao mesmo tempo que cria novos para melhor utilizar os produtos de AR vestíveis.

qualcomm-snapdragon-spaces-uma-plataforma-para-dispositivos-ar
Imagem: Reprodução | Gizmochina

Plataforma Snapdragon Spaces

O novo software da Qualcomm também incluirá tecnologia de percepção da máquina que será voltada para o desempenho e óculos AR de baixa potência da próxima geração.

A Snapdragon Spaces é basicamente um software que conecta seu aparelho aos fones de ouvido/óculos AR, mas todo o processo envolve mais alguns detalhes. Além de apenas conectar os dois aparelhos, os óculos também se tornarão uma extensão do smartphone compatível, com o aparelho de AR utilizando capacidade de processamento e conexão de telecomunicações.

Estamos falando de uma plataforma que pode alavancar o mercado de AR, trazendo para outras empresas, o primeiro passo para o desenvolvimento de mais dispositivos com a tecnologia que, aliada a outras, fará parte do tão sonhado Metaverso de Zuckerberg. Na verdade, muitas empresas irão querer um pedacinho dessa tecnologia, no futuro.

Notavelmente, o Snapdragon Spaces também permitiria que os desenvolvedores criem aplicativos 3D para óculos AR. A partir de agora, empresas como Lenovo, Xiaomi e Oppo são as parceiras iniciais para a plataforma Snapdragon Spaces, enquanto outros desenvolvedores de aplicativos como a Epic Games também estão em colaboração.

XueZhong Zeng, vice-presidente sênior da Xiaomi, afirmou que a empresa está ansiosa !para permitir que desenvolvedores de aplicativos AR headworn alcancem o máximo de público por meio da plataforma aberta do Snapdragon Spaces e de nossos futuros dispositivos habilitados para o Snapdragon Space.”

A Qualcomm sai na frente e pode ser a base para muitas empresas se desenvolverem nessa tecnologia de realidade aumentada.

Via: Gizmochina

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.