Quedas no AWS atingem em cheio o leste dos EUA

Jardeson Márcio
3 minutos de leitura
Imagem: Terra

Na última terça-feira, 07 de dezembro, o Amazon Web Services (AWS) passou por “instabilidades”, quedas que atingiram em cheio o leste dos Estados Unidos. Erros técnicos na região US-EAST-1 causaram muitos problemas para os clientes, incluindo dificuldade de acesso ao console de gerenciamento e alguns outros problemas de serviço.

De acordo com a própria empresa, aparentemente, os problemas maiores ficaram restritos a região com o AWS mais antiga e localizada na Virgínia do Norte. No entanto, isso acabou causando um impacto global, conforme a AWS disse naocasião: “Este problema está afetando a página de destino do console global, que também está hospedada em US-EAST-1.”

De acordo com o The Register, mesmo os clientes podendo acessar consoles específicos da região, conforme orientado pela empresa, indo diretamente para a URL dessa região, dentro do US-EAST-1, os serviços afetados não foram apenas o console, mas também EC2 (Elastic Compute Cloud), DynamoDB e Amazon Connect.

Na realidade, se o EC2 não estiver funcionando corretamente, centenas de outros serviços podem ser afetados, uma vez que são executados no EC2 nos bastidores.

Os clientes ficaram frustrados com as quedas do AWS

quedas-no-aws-atinge-em-cheio-o-leste-dos-eua
Imagem: GlobalMind

Assim que foram atingidos pelas quedas, os clientes usaram suas contas do Twitter para demonstrar suas indignações. Até mesmo os fornecedores de serviços em nuvem foram afetados, já que muitos deles também são executados na AWS, como Elastic Cloud, por exemplo.

As grandes empresas que se acredita terem sido afetadas incluem a própria Alexa, Music and Ring da Amazon, Netflix, Disney, Discourse (que relatou problemas com “AWS Route 53, um de nossos provedores de DNS”, Tinder e Roku, aponta o The Register.

Embora tenha sido uma interrupção séria, outras regiões em geral parecem não ter sido afetadas, exceto o console de gerenciamento. A AWS em seu relatório de status para o console e para EC2 disse que havia identificado a causa raíz do problema e trabalhava ativamente para uma solução.

A interrupção causada pelo AWS

A interrupção foi uma notícia muito ruim para a equipe RISC-V, que atualmente está realizando uma conferência virtual. De acordo com o The Register, a fabricante de aspiradores Smartish iRobot também está relatando que os serviços em seu aplicativo foram afetados.

Ontem, a página de status da AWS registrava que apenas um serviço estava enfrentando problemas – o Amazon Elastic Container Service alojado na Virgínia do Norte – que significa “tamanhos de tarefas menores que 4vCPU têm menos probabilidade de ver erros de capacidade insuficiente”, relatou o The Register.

A AWS não explicou o que deu errado com seus dispositivos de rede. Além disso, não sabemos se os problemas retornarão.

Via: TheRegister

Share This Article
Follow:
Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.