in

Review do Ubuntu 18.04.4 LTS em 2020!

Será que vale instalar o Ubuntu 18.04.4 LTS em 2020? Confira nossa opinião sobre o sistema!

review-ubuntu-18.04.4-lts-0

Hoje fizemos o review do Ubuntu 18.04.4 LTS a versão que já completa alguns anos e que algumas pessoas ainda estão pensativas. A dúvida na maioria das vezes é se vale a pena instalar essa versão já em 2020 ou se é melhor esperar o Ubuntu 20.04. No entanto, vamos demonstrar alguns pontos sobre isso, não podemos tomar a decisão por você. Mas, se você gosta de ver as nossas análises, saiba que publicamos o Review do Ubuntu 20.04 LTS, assim já reserve para leitura futura.

review-ubuntu-18-04-4-lts

Alguns softwares já vem pré instalados no Ubuntu 18.04 LTS como um padrão. Podemos destacar a suíte de escritório LibreOffice, Mozilla Firefox, Remmina, alguns jogos clássicos, monitor de sistemas, Transmission, e outros utilitários para fazer prints, Livepatch, utilitários de discos e outros.

Pontos de avaliação do Ubuntu 18.04.4 LTS

  • Instalação do Ubuntu 18.04.4 LTS
  • Leveza do Ubuntu 18.04.4 LTS
  • Pós instalação do Ubuntu 18.04.4 LTS
  • Conclusão final

Review do Ubuntu 18.04.4 LTS em 2020

Bom, para começar primeiro saiba que o download foi feito de duas maneiras, sim, geralmente testamos a velocidade dos servidores da Canonical e neste momento ambos modos de download do Ubuntu 18.04.4 LTS vão trazer uma boa velocidade.

Mas, saiba que o seu provedor pode limitar a sua conexão, no entanto isso é um papo para depois. Assim, baixamos o Ubuntu 18.04.4 LTS tanto direto do servidor quanto por torrent, e ambos o download foi rapidinho em um conexão de 50MB, a taxa de download se manteve estável durante todo o tempo.

Etapa de instalação do Ubuntu 18.04.4 LTS

O processo de instalação é muito simples, no entanto, fizemos um teste curioso, instalamos o Windows 7 de um CD antigo, e queríamos avaliar se o sistema emitiria alguma recomendação ou algo do tipo.

E claro, não houve nenhuma sinalização sobre o fim de suporte do Windows 7 ou algo parecido, mas ao contrário de antes, o sistema não ofertou instalar o Ubuntu 18.04.4 LTS lado a lado, ele já pede para apagar todo o HD e seguir com a instalação apenas da versão do Ubuntu.

Com isso, seguimos normalmente com aquele velho e rápido processo de instalação, eventualmente você terá uma taxa de transferência de dados durante a instalação se a fizer de um pendrive do que um DVD, mesmo assim a diferença é pouca.

Seguindo em frente, escolhemos a opção de apenas instalar o Ubuntu já que não teve outra, e preenchemos as informações normalmente, sim aquelas de sempre. Assim, saiba que nada mudou no instalador até agora.

Neste processo, optei por instalar e atualizar, e também instalar os drivers e softwares de terceiros.

Pós instalação do Ubuntu 18.04.4 LTS

Depois de mais ou menos 15 minutos a instalação terminou e reiniciamos o computador. Lembrando que é um notebook HP com i5 vPro, 15GB de RAM, 500 de HD Sata e uma placa tímida onboard da Intel.

Ao reiniciar, não que isso seja um padrão, a tela de carregamento do Ubuntu 18.04.4 LTS deu umas piscadas e deixamos o sistema neste cenário por cerca de 10 minutos, o sistema deve ter entrado em loop. Então logo em seguida forçamos o desligamento do computador e desta vez o sistema iniciou tranquilamente.

E não, não entramos no modo verbose (modo texto) para entender o que poderia estar acontecendo naquele momento pois nada respondia. Após o login o sistema ainda teve cerca de 3MB para baixar e instalar.

Para este computador o consumo de recursos foi dentro do esperado. O sistema rodando apenas o Monitor de Sistema consome 1,5 GB de RAM, o processamento do i5 vPro ficando em torno de 5% e tudo caminhando bem até agora.

review-ubuntu-18-04-4-lts

Também testamos os modos especiais envolvendo mais de 1 monitor, neste caso testamos com dois, sendo um do próprio notebook e outro AOC de 17. Todos os modos funcionaram muito bem sem atrasos e toda a configuração dos monitores foram automaticamente detectada.

Depois de configurar meu teclado e mouse USB, saiba que tudo funcionando sem grandes atrasos, o que já não acontecia naquela versão inicial do Windows 7. Vale lembrar ainda que o teclado e mouse USB são da Dell.

Bom, seguindo com o pós instalação depois resolvi atualizar os repositórios e também fazer um upgrade geral do sistema, e mais uma vez apareceu uma pequena atualização. Também deixamos o Ubuntu 18.04.4 LTS hibernar e ao mexer com mouse ou pressionar um tecla, o sistema voltou normalmente sem atrasos ou travamentos.

Conclusões finais sobre o Review do Ubuntu 18.04.4 LTS

Por fim, não encontramos nenhum problema em nossos testes. No entanto, se você espera por visual novo, mudanças significativas no âmbito visual, o Ubuntu 18.04.4 LTS não terá isso, afinal de contas o foco das versões LTS é justamente estabilidade.

Até pelo motivo de que empresas usam essa versão para produção, e conviver com muitos bugs seria catastrófico. O sistema esta maduro, e é recomendável para quem precisa de estabilidade mudar para essa versão.

No entanto, fique atento as instalações de softwares de terceiros, especialmente aqueles que não estão nos repositórios oficiais do Ubuntu. Saiba que todo o sistema é testado juntamente com estes softwares que estão nos repositórios oficiais. Desta forma, ao utilizar um software de fonte externa você poderá enfrentar travamentos, erros por conflitos de softwares, como por exemplo, as famosas dependências.

E se você ainda utiliza o Windows 7, seria um bom momento para trocar o Windows 7 pelo Ubuntu 18.04.4 LTS. E lembre-se se precisar de ajuda e suporte com o Ubuntu ou com qualquer distribuição Linux acesse o nosso grupo no Telegram, o link está no menu inicial do site ou busque por sitesempreupdate.

E tem mais, separamos alguns links que talvez você queira ler como informação complementar:

É isso, esperamos que tenhamos ajudado você a tomar uma decisão. Esta avaliação do Ubuntu 18.04.4 LTS é tão somente para avaliar o sistema em 2020 com uma nova versão do Ubuntu no forno.