in

Setor de data center da NVIDIA Enterprise cresce e receita aumenta em 39%!

A empresa fechou o primeiro trimestre de 2020 com mais de US$ 3 bilhões em receita!

O setor de data centers tem crescido e com isso a NVIDIA Enterprise já fecha o primeiro trimestre no setor com uma receita de mais de US$ 3 bilhões, o que resulta em um aumento de 39% quando comparado com 2019. Assim, a empresa já começa a perceber o grande aumento no mundo dos dados e destaca que a empresa vem sendo amplamente requisitada em serviços de computação em nuvem e IA. É um sinal que mais e mais empresas estão buscando os principais setores e empresas de tecnologia em busca de soluções para este momento de pandemia.

Segundo a empresa, em 2019 a receita no mesmo período foi de US$2,22 bilhões, agora diante do momento atual e do processo de digitalização de muitos setores a empresa já comemora os exatos US$ 3,08 bilhões. Nesse período, a NVIDIA Enterprise concluiu a aquisição da Mellanox Technologies Ltd. por um valor de transação de US$ 7 bilhões, em 27 de abril de 2020. Também foi necessário realizar a transição do evento GPU Technology Conference (GTC) para um formato 100% digital, que acabou triplicando o número de participantes registrados, alcançando mais de 55 mil inscritos. Os vídeos com o CEO da NVIDIA, Jensen Huang, apresentando os principais lançamentos e tendências de tecnologia foram vistos mais de 3,8 milhões de vezes nos três primeiros dias.

E agora, a empresa apresentou novos produtos no GTC 2020, como a nova arquitetura NVIDIA Ampere, o sistema NVIDIA DGX A100™, a plataforma NVIDIA EGX™ Edge AI, a tecnologia Mellanox SmartNIC, a EGX Jetson Xavier NX para servidores micro-edge, a estrutura NVIDIA Jarvis™, a plataforma Apache Spark 3.0, e o NVIDIA Merlin™, serão grandes motivadores para um crescimento ainda maior na área de data center da NVIDIA Enterprise, assim como no setor automobilístico e de visualização profissional.

Esse trimestre foi um período muito bom para a NVIDIA Enterprise. Apresentamos novidades, como a GPU Ampere, que eleva o nível da computação com inteligência artificial. Nossa conferência digital atraiu um número muito maior que o esperado – nos fazendo até pensar em talvez continuar com o formato digital, além do presencial -, e a aquisição da Mellanox aumenta ainda mais as possibilidades do que podemos fazer, comenta Marcio Aguiar, gerente sênior da NVIDIA Enterprise para América Latina.

A prioridade atual é combater essa pandemia mundial. Para isso, realizamos diversas ações visando colaborar com parceiros para descobrir uma vacina e também manter outras indústrias funcionando de maneira remota. Por conta de nossas tecnologias, conseguimos ajudar todos os mercados – diz Aguiar.

As perspectivas da NVIDIA para o segundo trimestre do ano fiscal de 2021 incluem o impacto da aquisição da Mellanox, que foi encerrada no primeiro dia do segundo trimestre.  A previsão de receita é de US$ 3,65 bilhões, um crescimento aproximado de 2%. Espera-se que a Mellanox contribua com uma porcentagem baixa. A empresa também deixa à disposição o balanço do primeiro trimestre publicamente.