SempreUPdate
Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Usando o Pacman no Arch Linux – parte 3 – yaourt

Os usuários que migraram de distribuições para iniciantes, como Ubuntu e Fedora, podem ter dificuldades de achar determinados pacotes (programas) no Arch Linux. Por exemplo, se você fizer o comando:
# pacman -S telegram

erro: alvo não encontrado: telegram
O Arch Linux não consegue encontrar o programa nos repositórios. Como vimos no post anterior existe uma lista repositórios que faz essa busca por um programa.
Alguns programas (pacotes) podem não vir nos repositórios oficiais. Para facilitar nossa vida, existe um programa para isso: yaourt.
Numa tradução do francês, yaourt significa iogurte ou um acrônimo de Yet AOther User Repository Tool. Numa tradução livre significa “Outra Ferramenta de Repositório de Usuário” que é uma interface para o pacman que adiciona acesso automatizado ao AUR, usando a mesma sintaxe que o pacman.

INSTALAÇÃO

Para instalação do yaourt é necessário adicionar o repositório “archlinuxfr” no arquivo pacman.conf:

 # leafpad /etc/pacman.conf

Obs: Da mesma forma que foi o leafpad, poderia ser outro editor como pluma, kwrite, vi ou gedit.
Copie estas linhas de código e cole no arquivo:

[archlinuxfr]
SigLevel = Never
Server = http://repo.archlinux.fr/$arch

Salve e feche o arquivo e depois execute o comando de instalação:

# pacman -Syu yaourt base base-devel

Outra vantagem do yaourt é a similaridade com o pacman. Então os comandos se assemelham. Então para atualizar sistema:

$ yaourt -Syu

Para atualizar listas de programas:

$ yaourt -Sy

Para procurar programas:

$ yaourt -Ss nome_do_programa

Para instalar pacote:

$ yaourt -S nome_do_programa

Para remover pacote:

$ yaourt -R nome_do_programa

Para remover pacote com dependências não utilizadas:

$ yaourt -Rn nome_do_programa

Para remover pacote com dependências não utilizadas e configurações:

$ yaourt -Rns nome_do_programa

Observe que os comandos são feitos com o usuário comum, uma vez que não é recomendando usar o yaourt como superusuário (root), por estarmos baixando programas de um repositório comunitário e não oficial.

Comentários