in

Vídeos do YouTube ficarão com definição 480p por padrão em todo o mundo no próximo mês

Os usuários podem definir manualmente uma qualidade mais alta.

Vídeos do YouTube ficarão com definição 480p por padrão em todo o mundo no próximo mês
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

Não é incomum para o YouTube, como outros líderes de streaming, ver um aumento no tráfego durante a noite, quando as pessoas estão fora do trabalho. Com os pedidos de quarentena em vigor em várias comunidades ao redor do mundo, no entanto, a gigante de streaming do Google está vendo um fluxo de consumo mais constante ao longo do dia. Por isso, agora os vídeos do YouTube ficarão em 480p por padrão.

Vídeos do YouTube ficarão em 480p por padrão

O YouTube transmitirá vídeos com qualidade de definição 480p por padrão para usuários em todo o mundo. Isso visa facilitar o tráfego da internet, de acordo com um relatório da Bloomberg. A medida é uma expansão das medidas tomadas na Europa na semana passada pelo mesmo motivo. O YouTube informou que os usuários ainda poderão assistir ao conteúdo com uma configuração de qualidade mais alta, mas terão que optar por fazê-lo manualmente, pois os clipes começarão com qualidade SD por padrão. Para alterar a qualidade de um vídeo do YouTube, basta clicar no ícone de engrenagem e selecionar a qualidade desejada.

Vídeos do YouTube ficarão com definição 480p por padrão em todo o mundo no próximo mês
Tráfego da internet. Imagem: Reprodução | Tech Spot.

De acordo com um relatório da empresa de equipamentos de rede Sandvine, no meio do ano passado, o Google era o principal consumidor de largura de banda na internet, com 12% de todo o volume de tráfego. A Netflix terminou em segundo lugar com 11,44%, seguida pelo Facebook com 7,79%. Além disso, o YouTube disse à Bloomberg que continuará trabalhando em estreita colaboração com governos e operadoras de rede em todo o mundo para fazer sua parte para minimizar o estresse no sistema durante esse período sem precedentes. Ainda mais, o YouTube é o único grande provedor de streaming a implementar essas medidas nos EUA. Entretanto, agora um precedente foi estabelecido. Portanto, é quase uma garantia que outros sigam seu exemplo nos próximos dias. Fonte: Tech Spot

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

HP adverte sobre novo bug que mata unidades SSD após 40.000 horas de operação

HP adverte sobre novo bug que mata unidades SSD após 40.000 horas de operação

SUSE oferece suporte corporativo gratuito ao Linux para fabricantes de dispositivos médicos

SUSE oferece suporte corporativo gratuito ao Linux para fabricantes de dispositivos médicos