in

Wayland adiciona suporte ao sistema Meson Build e X.Org Server 1.20.7 lançado

No caso do X.Org, ele vem com várias correções para o GLAMOUR + Modesetting. O Wayland 1.17, a atual versão estável, por exemplo, já tem 10 meses.

X.Org Server 1.20.8 liberado

O Wayland em Weston usa o sistema de compilação Meson há cerca de um ano. Porém, apenas esta semana o próprio Wayland teve finalmente o suporte a Meson introduzido. O Wayland adicionou o suporte ao sistema de compilação Meson pelos mesmos motivos que a maioria dos projetos: tempos de compilação mais rápidos, mais limpos que o GNU Autotools e tende a funcionar melhor em outras plataformas, especialmente no Windows. Outra novidade é que o X.Org Server 1.20.7 que acaba de ser lançado e vem a se juntar ao Wayland Meson Build. 

Emmanuele Bassi, do GNOME, adicionou o suporte. Por enquanto, o suporte ao sistema de compilação Meson está convivendo paralelamente ao suporte do Autotools. O plano é abandonar o Autotools quando o suporte do Meson tiver sido colocado em pé de igualdade com o suporte do sistema de compilação existente.

E por que só agora o Wayland adiciona suporte ao sistema Meson Build?

Saber que demorou tanto tempo para o próprio Wayland adicionar o suporte ao Meson, não é totalmente surpreendente. Isto porque devemos considerar que é relativamente estável hoje em dia. Além disso, apresenta atualizações (e novas atividades) com muito menos frequência do que as de Weston.  O Wayland 1.17, a atual versão estável, por exemplo, já tem 10 meses.

X.Org Server 1.20.7 lançado com várias correções para o GLAMOUR e Modesetting

Wayland adiciona suporte ao sistema Meson Build e X.Org Server 1.20.7 lançado

Não há qqualquer nenhum sinal do X.Org Server 1.21 no horizonte. Por isso mesmo, as liberações pontuais do X.Org Server 1.20 continuam rolando.

O desenvolvedor de gráficos Intel Linux, Matt Turner, lançou o X.Org Server 1.20.7 como a versão mais recente, consistindo em quatorze alterações. Elas estão principalmente centradas nos bits do driver GLAMOUR e xf86-video-modesetting. No entanto, também há atualizações do Solaris via Alan Coopersmith, da Oracle.

Aaron Plattner da NVIDIA adicionou uma verificação ao DDX xf86-video-modesetting para verificar a inicialização do RandR. Kenneth Graunke da Intel agora possui o driver de configuração usando EGL_MESA_query_driver para selecionar o driver DRI, e algumas outras correções de configuração. Graunke adicionou uma alteração ao GLAMOUR para consultar o nome do driver também via EGL_MESA_query_driver. Há ainda boas notícias para o driver Iris Gallium3D.

Michel Dänzer da Red Hat também tem algumas correções de driver para XWayland, GLAMOUR e modos de configuração.

A lista de alterações pode ser encontrada no xorg-Announce.

Pelo menos o X.Org Server 1.20.7 chega a tempo de ser incluído no Ubuntu 20.04 LTS. Assim, parece certo que o xorg-server 1.21 não chegará ao novo Ubuntu.

Fonte: Phoronix

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

10 ferramentas online para testar SSL, TLS e vulnerabilidade

10 ferramentas online para testar SSL, TLS e vulnerabilidades

Conheça o trabalho em torno do Xfce 4.16

Conheça o trabalho em torno do Xfce 4.16