in

73% dos usuários globais preferem smartphones abaixo de US$ 400

A menor demanda, crise e inflação elevam o custo dos smartphones.

De acordo com a IDC, dispositivos abaixo de US$ 400 são responsáveis por 73% das remessas globais de smartphones em 2020. A menor demanda, crise e inflação elevam o custo dos smartphones. Como resultado, o mercado principal encolheu e os usuários estão optando cada vez mais por comprar algo mais barato para o uso diário.

No segundo trimestre deste ano, os consumidores preferiram smartphones com um preço de US$ 100 a US$ 400, o que permitiu que essa categoria de preço ocupasse 60% do mercado global de smartphones. Esses dispositivos foram adquiridos mais ativamente na América Latina, Oriente Médio, Europa Central e Oriental, África e região da Ásia-Pacífico.

Curiosamente, nos Estados Unidos, onde não economizam na compra de smartphones, a demanda por aparelhos de preço acessível com até US$ 200 também aumentou: de 20% para 27%.

73% dos usuários globais preferem smartphones abaixo de US$ 400

O segmento de preço médio, que varia de US$ 400 a US$ 600, representou 11,6%. E no final do segundo trimestre deste ano, cresceu 4%. A compra mais ativa desses smartphones foi na China, onde sua participação aumentou de 8% para 21%.

73% dos usuários globais preferem smartphones abaixo de US$ 400
De acordo com a IDC, dispositivos abaixo de US$ 400 são responsáveis por 73% das remessas globais de smartphones em 2020. Imagem: IDC.

Os analistas preveem que a demanda por modelos com um preço de US$ 100 a US$ 400 continuará a crescer, à medida que os usuários cada vez mais preferem dispositivos acessíveis. Os smartphones 5G se tornarão cada vez mais populares, com um preço médio de US$ 465 em 2024.

Vimos a chegada da rede 5G no ano passado. No entanto, 2020 é o ano em que essa tendência finalmente atinge os clientes. A razão é bastante simples, enquanto em 2019 tínhamos apenas alguns smartphones 5G caros, 2020 introduziu a conectividade 5G para o segmento de médio porte.

De acordo com a Canalys, a China atualmente lidera a implantação de rede e disponibilidade de aparelhos. A empresa afirma que 278 milhões de telefones com 5G serão vendidos em 2020 (62% deles na China).

Fonte: Gizchina