in

Alibaba Cloud chega ao Brasil

Os serviços de nuvem da empresa chinesa serão oferecidos no país pelo UOL Diveo.

Alibaba Cloud chega ao Brasil

Enquanto a Huawei enfrenta diversos problemas com os Estados Unidos e outros parceiros comerciais deste, algumas empresas chinesas expandem mercado. Assim, acaba de chegar ao Brasil o Alibaba Cloud. Este é o braço de computação em nuvem da gigante chinesa de tecnologia Alibaba Group. Assim, o Alibaba Cloud chega ao Brasil.

A AliCloud será representada pela empresa brasileira de computação em nuvem UOL Diveo. No entanto, esta parceria não será exclusiva. 

Então, a ideia é fornecer um trampolim para empresas brasileiras e chinesas. Os dois lados buscam desenvolver negócios digitais nos dois países.

Acredito que essa parceria vai aproximar os dois países, o que é fundamental para as empresas brasileiras que querem entrar no mercado chinês e as chinesas que querem oferecer seus serviços e produtos no mercado brasileiro, afirmou o executivo-chefe do UOL Diveo. Gil Torquato.

Gastos crescem ano a ano

Alibaba Cloud chega ao Brasil

Os gastos com nuvem aumentam novamente à medida que as empresas dependem de provedores externos para aplicativos e segurança.

Com a presença estabelecida do UOL Diveo no mercado brasileiro, acreditamos que juntos somos capazes de ajudar nossos clientes a alcançar suas necessidades de transformação digital, disse o diretor de canais da Alibaba Cloud Americas, Hao Lin.

O Alibaba é o principal fornecedor de nuvem na Ásia. Porém, compete globalmente com empresas como Amazon Web Services, Google Cloud e Microsoft Azure. Do mesmo modo, a computação em nuvem representa 7% da receita total do grupo Alibaba.

No mês passado, a Alibaba informou que a receita de cloud computing no quarto trimestre fiscal foi de US $ 1,15 bilhão. Portanto, são 76% a mais que no ano passado, com os clientes gastando mais em novos serviços.

Migração para a nuvem no Brasil

A migração de sistemas para ambientes em nuvem é uma das principais prioridades dos tomadores de decisão de TI no Brasil. Nada menos que 80% dos executivos locais de nível C vêem isso como um meio de implantar a inovação. É o que mostra um estudo da empresa de análise SAS.

Outra pesquisa feita pela Logicalis, empresa de serviços de TI, também indicou que a abordagem mista de serviços de nuvem pública local e privada de terceiros está tendo um aumento no Brasil.

Fonte