Apple afirma economizar mais de meio milhão de toneladas de minério retirando o carregador da caixa do iPhone

Jardeson Márcio
3 minutos de leitura

A Apple deixou de enviar os carregadores com os iPhones desde o lançamento do iPhone 12. A empresa afirma que removeu o carregador para proteção ambiental. Além disso, a Apple também afirma que 550.000 toneladas de minério foram economizadas ao não incluir a carga na caixa.

A empresa sempre enfatiza a transcrição de proteção ambiental. A Apple diz que com a economia de minério, há “menos exploração dos recursos da terra vale bem a pena”. Além disso, a empresa afirma que não só economizou os recursos naturais da Terra, através do redesenho, como também eliminou completamente o filme plástico que envolve a caixa do produto iPhone.

Assim, também está reduzindo a quantidade de plástico que usa em cerca de 600 toneladas. No entanto, a explicação da Apple não fez nenhum sentido para os internautas. Em várias plataformas, os internautas criticaram a Apple por sua natureza astuta.

apple-afirma-economizar-mais-de-meio-milhao-de-toneladas-de-minerio-retirando-o-carregador-da-caixa-do-iphone

Apple envia seus iPhones sem um carregador na caixa

Quanto ao verdadeiro motivo pelo qual a empresa cancelou a cabeça de carregamento, não temos como saber. No entanto, uma coisa é certa, o cancelamento da cabeça de carregamento gratuito é uma coisa boa para os negócios da Apple.

Ao remover o carregador e os EarPods da caixa, a Apple economizou um total de US$ 6,5 bilhões (cerca de R$ 32,2 bi) até agora. Depois de retirar esses acessórios, a Apple ainda não baixou o preço do iPhone, pelo contrário, a cada ano está maior. A Apple economiza US$ 35 (mais de R$ 170,00) para cada iPhone que vende, mas a redução de custos não é para os consumidores, é para a própria empresa.

Venda de iPhones no Brasil

No ano passado, o Brasil multou a Apple em US$ 2 milhões (quase R$ 10 milhões) como punição por violar as leis do consumidor e desrespeitar os clientes brasileiros. A agência de defesa do consumidor disse que a empresa violou as leis brasileiras de defesa do consumidor ao não fornecer um carregador na embalagem do aparelho.

A resposta da Apple é que muitos clientes já possuem carregadores em suas casas, o que, juntamente com os benefícios ambientais de removê-los, também reduz bastante a pegada de toda a caixa do iPhone. A empresa enfatiza que esse movimento é para proteção ambiental porque sua pesquisa mostra que os usuários geralmente têm cabeças de carregamento disponíveis.

No entanto, essa abordagem está atraindo muitas críticas. Afinal, definitivamente haverá consumidores que precisam de cabeças de carregamento. Além disso, há dúvidas de que o real propósito da empresa seja economizar custos e até economizar bilhões de dólares.

Via: Gizchina

Share This Article
Follow:
Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.