Categorias

o-android-13-tem-codinome-interno-vazado-a-aposta-agora-e-a-sobremesa-tiramisu

Android

Games

Notícias

Tutoriais Linux

Vídeos

Notícias

03/07/2021 às 13:00

5 min leitura

Avatar Autor
Por Jardeson Márcio

CEO da Qualcomm afirma que a empresa pode vencer o chip M1 da Apple

Isso talvez aconteça graças aos ex-engenheiros da Apple

ceo-da-qualcomm-afirma-que-a-empresa-pode-vencer-o-chip-m1-da-apple

A Qualcomm pode vencer o chip M1 da Apple, diz o CEO da empresa. E isso pode se dar justamente por ela ter uma equipe de arquitetos de chips que anteriormente trabalharam na Apple Silicon. Isso inclui o ex-chip leader da série A Gerard Williams.

O 9to5Mac lembra que, a Apple ficou tão chateada com a saída de Williams da empresa que o processou, acusando-o de explorar a tecnologia da Apple e de roubar outros engenheiros importantes. Williams e dois outros ex-executivos de chips da Apple deixaram a empresa em 2019 para criar uma nova empresa de chips, a Nuvia. O trio disse na época que planejava competir com a Intel e a AMD.

ceo-da-qualcomm-afirma-que-a-empresa-pode-vencer-o-chip-m1-da-apple
Imagem: Reprodução | 9to5Mac

A Apple não acreditou neles e disse que sua verdadeira intenção era forçar a Apple a adquirir a empresa , efetivamente comprando de volta sua própria tecnologia. Essa disputa ainda não estava resolvida quando houve um novo desenvolvimento no início deste ano. A Qualcomm comprou a Nuvia por US $ 1,4 bilhão (mais de R$ 7 bi). Isso deu ao fabricante de chips acesso a grande parte da experiência por trás do desenvolvimento do chip M1 da Apple.

Qualcomm pode vencer o Apple M1

A Reuters relata os últimos desenvolvimentos.

Os antigos fornecedores de processadores Intel Corp e Advanced Micro Devices não têm chips tão eficientes em termos de energia quanto os da Apple. O presidente-executivo da Qualcomm, Cristiano Amon, disse à Reuters na quinta-feira que acredita que sua empresa pode ter o melhor chip do mercado, com a ajuda de uma equipe de arquitetos de chips que anteriormente trabalharam no chip da Apple, mas agora trabalham na Qualcomm.

Amon não parece totalmente confiante nessa afirmação, pois ele tem um plano B em mente.

Se a Arm, com a qual temos um relacionamento há anos, eventualmente desenvolver uma CPU que seja melhor do que aquela que podemos construir por nós mesmos, então sempre teremos a opção de licenciar da Arm.

A Qualcomm atualmente continua sendo um fornecedor da Apple, fabricando chips de modem para iPhones. Uma longa batalha legal entre as duas empresas sobre royalties de patentes ficou extremamente acalorada antes de ser finalmente resolvida em 2019.

O 9to5Mac aponta que, este último desenvolvimento pode inflamar os ânimos novamente, embora a Qualcomm possa descobrir que tem pouco a perder à medida que a Apple se aproxima de desenvolver seus próprios chips sem fio.

O CEO da Qualcomm parece otimista que a empresa pode vencer o M1 da Apple. E, talvez, isso realmente pode acontecer.

Via: 9to5Mac

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.