Categorias

o-android-13-tem-codinome-interno-vazado-a-aposta-agora-e-a-sobremesa-tiramisu

Android

Games

Notícias

Tutoriais Linux

Vídeos

Artigo

30/07/2021 às 16:47

5 min leitura

Avatar Autor
Por Jardeson Márcio

Check Point Software alerta sobre o aplicativo Discord

Segundo a empresa de segurança, o aplicativo é terreno fértil para malware

Check Point Software alerta para esquema fraudulento com as caixas Amazon Mystery

Check Point Software Technologies Ltd., uma fornecedora líder de soluções de cibersegurança global, alerta sobre uso do Discord para ameaças e ataques cibernéticos. Claudio Bannwart, diretor regional da Check Point Software Brasil, comenta sobre as potencialidades de desenvolvimento e proliferação de malware na plataforma. Além disso, ele também lista dicas de proteção.

O Discord é um aplicativo de comunicação instantânea que conta com mais de 100 milhões de usuários no mundo. Ele foi inicialmente concebido à comunidade de gaming. No entanto, se diversificou para vários públicos. Segundo Claudio Bannwart “Existe um potencial elevado desta plataforma ser um meio de desenvolvimento e disseminação de malware. O ponto fundamental que as pessoas e organizações têm de compreender é que há sempre riscos associados a qualquer aplicativo na Internet”.

Os cibercriminosos estão sempre em busca de novas vítimas. “Eles procurarão explorar plataformas, sistemas operacionais, aplicativos, infraestrutura e tudo mais que lhes permitam a execução de seus golpes e atividades maliciosas. O Discord é apenas uma das muitas plataformas de mensagens usadas por cibercriminosos e atacantes. WhatsApp e Telegram são outras plataformas de mensagens sobre as quais a Check Point Software tem relatado vulnerabilidades extensivamente”, informa Bannwart.

Dicas da Ckeck Point para reduzir as probabilidades de você se tornar uma vítima de cibercriminosos seja com o aplicativo Discord ou outros

check-point-software-alerta-sobre-o-aplicativo-discord

O diretor regional da Check Point Software Brasil, Claudio Bannwart, lista dicas básicas para reduzir as probabilidades de se tornar a próxima vítima dos cibercriminosos. A primeira delas é “Sempre executar a versão mais recente dos softwares. Ou seja, assim que forem lançadas as atualizações, você deve instalá-las imediatamente, isso porque elas podem conter correção de falhas de segurança.

A segunda dica de Bannwart é “Não instalar aplicativos aleatórios” simplesmente porque são gratuitos. Muitos cibercriminosos podem disponibilizar esses aplicativos para fazerem suas vítimas. A terceira observação é que você deve “Proteger os dispositivos com soluções de segurança adequadas, incluindo os smartphones, usando uma solução robusta de proteção contra ameaças móveis“. Assim, você acrescenta uma camada de segurança para evitar que cibercriminosos acessem seus dados.

A quarta dica dada por ele é que os usuários devem “Contar com ferramentas de segurança que permitam escanear um link antes de abri-lo“. Quando você escaneia um arquivo antes de abri-lo, se algum malware estiver escondido nele, você será avisado e, pode escolher deletá-lo do seu dispositivo, antes de ser atacado.

Uma quinta dica e essencial no dia a dia é “Adotar senhas fortes, se possível, utilizando proteção de múltiplos fatores (MFA)“. E, por último, mas não menos importante, “Não conceder permissões instantaneamente ao aplicativo. Seguir o princípio de menor privilégio“.

Seguindo essas dicas de Claudio Bannwart, diretor regional da Check Point Software Brasil, você certamente ficará mais seguro quanto ao ataque de cibercriminosos.

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.