in

China proibirá jogos que “induzem ao vício” em 2021

As redes sociais e os serviços de streaming também terão que adotar medidas.

A China está alterando sua lei: os jogos online que “induzem ao vício” enfrentarão uma proibição se não tomarem medidas para combater o uso excessivo até junho de 2021.

As plataformas de redes sociais e sites de transmissão ao vivo também enfrentam uma potencial proibição na China. Portanto, os desenvolvedores devem incorporar medidas em seus aplicativos para monitorar o consumo e prevenir o uso viciante.

China proibirá jogos que “induzem ao vício”

No passado, jogos implementaram um recurso para impedir os usuários de jogar por muito tempo. Essas ações vieram em resposta à crescente pressão do governo sobre os desenvolvedores de jogos.

China proibirá jogos que "induzem ao vício" em 2021
A China está alterando sua lei: os jogos online que “induzem ao vício” enfrentarão uma proibição.

A Tencent chegou a anunciar planos de lançar contratos de tempo de jogo para seus jogos. Neste quadro contratual, os jovens jogadores irão assinar contratos digitais onde são obrigados a tirar boas notas ou terminar as tarefas de casa antes de poderem jogar mais.

Em 2019, os líderes da indústria de jogos na China e um jornal estatal uniram forças para trabalhar em um sistema de classificação de jogos. O sistema de classificação incluiu quatro classificações de idade: 6+, 12+, 16+, 18+.

Além dos jogos, as redes sociais e os serviços de streaming também terão que adotar medidas para conter o uso prolongado. Além disso, os usuários poderão solicitar aos provedores de internet que respondam a casos de cyberbullying nesses sites. Os provedores terão autoridade até para retirar conteúdo online.

A China é um dos maiores consumidores de videogames do mundo. Portanto, faz sentido que o governo queira combater a natureza viciante dos jogos e da mídia social. No entanto, o governo deve garantir que a regulamentação não se transforme em censura ou proibições.

Fonte: Fossbytes

Valve/CodeWeavers lança Proton 5.13-1 com mais jogos para Windows rodando em Linux

Qualcomm pode anunciar seu primeiro smartphone para jogos este ano

AMD lança Processadores AMD Ryzen Série 5000 para desktop: as CPUs de jogos mais rápidas do mundo

Amazon lança um serviço de streaming de jogos chamado Luna

Qualcomm lança processador Snapdragon 750G para jogos de baixa latência