in

Como Atualizar O OpenBSD 6.2 Para 6.3

A nova versão 6.3 saiu. Este é o procedimento para atualização do sistema.

Chega o OpenBSD 6.6

A versão 6.3 do sistema operacional OpenBSD trouxe diversas melhorias e implementações nas mais diversas plataformas de hardware. Para aqueles que desejam um norte na atualização da versão 6.2, nós do SempreUPdate mostraremos o rumo através deste tutorial.

Resumo do Procedimento

Antes de começar, quem perdeu o que há de novo no OpenBSD 6.3 pode conferir os detalhes no seguinte artigo: Confira este post sobre o OpenBSD 6.3. Partindo da premissa que você já possui o OpenBSD operando na versão 6.2, o resumo do procedimento a ser executado para a atualização é o seguinte:

  • Inicializar na versão 6.2 do seu sistema;
  • Efetuar o download do kernel 6.3 e seu arquivo de assinatura;
  • Verificar o arquivo de kernel contra a assinatura para garantir a segurança e integridade do download;
  • Mover o kernel para o caminho /;
  • Reinicializar, e selecionar o kernel 6.3 durante no bootloader;
  • Seguir o passo-a-passo de atualização que aparecerá na tela;
  • Atualizar as configurações novas através do comando sysmerge;
  • Atualizar os pacotes instalados com o comando ‘pkg_add -u -v’;

Atualização

Perigo: Faça backup dos seus dados importantes. Um imprevisto como a falta de energia elétrica pode quebrar o procedimento de atualização. Então, utilize um disco externo ou caminho na rede para tal operação.
Aviso: O primeiro passo para a atualização é garantir que você está na versão 6.2. Não é recomendado que o procedimento de atualização “pule” mais de uma versão. Também tenha certeza que você possui uma rede configurada no arquivo /etc/hostname.<nome_da_interface>, pois os dados neste arquivo serão lidos pelo atualizador.

Verifique a versão efetuando o login em seu sistema, ou utilizando o seguinte comando:

uname -r

Verificando a versão do OpenBSD

Efetue o download do kernel e seu arquivo de assinatura com os seguintes comandos:

ftp https://cdn.openbsd.org/pub/OpenBSD/6.3/amd64/SHA256.sig
ftp https://cdn.openbsd.org/pub/OpenBSD/6.3/amd64/bsd.rd
Efetuando download dos arquivos de kernel e assinatura
Você deve ter notado que utilizamos o comando ftp para baixar os arquivos. Não está errado! O fato é que este comando faz parte do sistema base do OpenBSD. Isto tira a necessidade da instalação de pacotes de terceiros apenas para baixar arquivos.

ftp é o comando garantido para downloads em qualquer caixa OpenBSD

Verifique a integridade do arquivo de kernel 6.3 com o seguinte comando:

signify -C -p /etc/signify/openbsd-63-base.pub -x SHA265.sig bsd.rd
Verificando a assinatura do kernel
As contra barras para as quebras de linha servem apenas para fins didáticos e visuais. Você pode executar o comando em uma linha.

Torne-se root, e mova o arquivo de kernel para a raiz do seu disco (adeque o diretório home para o do seu usuário desprivilegiado):

su -
mv -v /home/<meu_diretorio_home>/bsd.rd /
Mova o kernel bsd.rd para a raiz
Cuidado: Daqui pra frente, todos os comandos serão executados como root.

Remova resquícios de manuais antigos e diretório descontinuado de relinkagem com os seguintes comandos:

rm -r /usr/share/man
rm -r /usr/share/compile

Limpando manuais antigos e removendo diretório desnecessário

Reinicie o sistema com o seguinte comando:

reboot

Durante a inicialização do sistema, na tela do bootloader (prompt boot> ), selecione o kernel 6.3 com o seguinte comando:

b bsd.rd

Selecione o kernel 6.3 baixado a instantes atrás

Daqui pra frente, o processo de instalação será basicamente um questionário de alguns parâmetros já configurados no sistema, e informações de onde obter os softwares básicos de atualização.
Assim, Digite U, pra a atualização (Upgrade), dê um Enter para manter o layout atual do teclado, e mais um Enter. Este último para manter o mesmo disco raiz onde já há uma instalação do OpenBSD (e que foi encontrada pelo programa de atualização): 
Responda as perguntas do instalador

Tecle Enter na pergunta “Force checking of clean non-root filesystems?“. Assim, você evita que checagens de disco ocorram em sistemas “limpos”(desmontados corretamente ou sem danos). Após esta pergunta, o sistema de atualização questionará onde estão os “sets” que fazem parte da instalação básica do OpenBSD.
Caso você tenha um cd do OpenBSD gravado do arquivo install63.iso, coloque-o na leitora e pressione Enter. Para o nosso exemplo, buscaremos os sets na internet. Digite http e pressione Enter.
Seleção da localização dos sets

Digite o endereço do proxy da sua rede. Deixaremos o padrão (vazio) pressionando Enter.
Digite o FQDN de um dos espelhos oficiais do projeto OpenBSD. No nosso exemplo utilizaremos o repositório “cloudflare.cdn.openbsd.org” por ser a cdn oficial do projeto. Porém, aqui, você pode utilizar o espelho “openbsd.c3sl.ufpr.br” da UFPR.
Obtendo a lista dos sets

Então, remova ou adicione os sets interessantes para você utilizando os caracteres menos ou mais ( – + ) e o nome do set.  Assim, aqui você pode utilizar curingas como o asterisco. Veja o exemplo abaixo:
Removendo os sets games e X

Digitando “-game*” e pressionando Enter, e “-x*” e Pressionando Enter novamente. Assim, removemos todos os sets de software relacionados a interface gráfica (começando com x) e jogos de linha de comando (começando com a palavra-chave game).
Finalmente, pressione Enter para que a coleção básica de softwares selecionada por você seja baixada e instalada. Então, dependendo da velocidade da sua internet e do espelho selecionado, dá tempo de tomar um café enquanto você aguarda os downloads (já estou me arrependendo de não ter selecionado o espelho da UFPR):
Deixe o download rolar e vá tomar um café

Tecle Enter na pergunta repetida da localização dos sets para finalizar o processo de adição de sets, e assim, finalizar a instalação.
Finalizando a instalação

Digite R e pressione Enter para reiniciar seu computador no OpenBSD 6.3.

Pós-Atualização do OpenBSD

Parabéns! Assim você atualizou os softwares básicos do seu OpenBSD para a versão 6.3. Porém, ainda há alguns itens a serem resolvidos.
Logo no término da inicialização do computador, o próprio sistema te dará dicas do que está faltando. Uma delas, bem valiosa por sinal, é a da utilização do comando sysmerge. Tal comando irá fazer a adequação de arquivos de configuração que não puderam ser atualizados automaticamente. Veja:

Sysmerge deixa claro quais configurações não foram adequadas.

Aqui, caberá a você decidir o que fazer com o arquivo de configuração. Pode ser que você possua uma configuração bastante diferenciada no arquivo sshd_config e queira ignorar as alterações propostas pelos desenvolvedores, assim como a configuração pode ser a padrão e sobrescrever, não lhe trará problemas.
Digite seu login, e eleve os privilégios a root para então rodar o comando sysmerge:

login
su -
sysmerge

Sysmerge lhe auxiliará nas configurações a serem adequadas no sistema

Durante a execução do sysmerge, você será apresentado a uma tela com paginação na tecla espaço (similar a uma página de manuais). Então, poderá conferir as diferenças entre os arquivos. Veja as telas abaixo:
sysmerge 01

sysmerge 02

sysmerge 03

O utilitário sysmerge fará a comparação do arquivo de configuração que você possui com um arquivo de referência da versão para a qual o OpenBSD foi atualizado. O arquivo “versão instalada (installed version)” é o seu arquivo atual, e o “temporary” é o proposto pelo sysmerge na versão atualizada.
Nas telas acima, podemos notar que o sysmerge nos propõe uma alteração na linha de cabeçalho do arquivo sshd_config (uma linha com – outra com +), a remoção do comentário referente ao arquivo ssh_host_dsa_key, e a troca da linha de configuração “PermitRootLogin no” por um comentário “#PermitRootLogin prohibit-password”(opção criada no OpenSSH 7.0).
As opções que temos aqui são:

  • Pressionar d para ignorar as alterações propostas pelo atualizador.
  • Pressionar i para instalar a configuração nova e ignorar a atual.
  • Pressionar m para unir as configurações. Esta opção é útil para um ambiente onde você quer se beneficiar de configurações novas e manter configurações customizadas.
  • Pressionar v para retornar pro inicio das comparações destes arquivos.
  • Apenas pressionar Enter para deixar esta comparação para depois, e adequar o arquivo manualmente (ou, então, rodar novamente o sysmerge mais tarde).
No exemplo, selecionaremos i para instalar a nova configuração, mas esta não é uma regra escrita a ferro e fogo. Então, cabe a você decidir no seu cenário de mundo real.
configuração do ssh adequada

Caso houvesse outros arquivos nesta situação, o questionário continuaria com o próximo arquivo que não pôde ser adequado automaticamente como os exibidos antes da tela de login.
Finalmente, atualize todos os pacotes de terceiros instalados no seu sistema com o seguinte comando:

pkg_add -u -v

Agora sim, atualizado!

Agora sim, seu sistema operacional OpenBSD está completamente atualizado para a versão 6.3! Para maiores informações, consulte o guia oficial de atualização em inglês:

OpenBSD Upgrade Guide

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Tchelinux 2018

Tchelinux 2018 – Chamada de palestras para Rio Grande

NixOS Logo

Conheça o sistema Operacional NixOS