GitHub: 100 milhões de desenvolvedores estão na plataforma

O GitHub atingiu essa marca antes do prazo estipulado

Jardeson Márcio
3 minutos de leitura

Após 16 anos desde sua criação, o GitHub quer continuar aprimorando a experiência para o desenvolvimento de software. Em 2019, a empresa tinha traçado uma meta de atingir 100 milhões de desenvolvedores usando a plataforma até 2025, mas acabou conseguindo o objetivo dois anos antes.

GitHub atinge meta de 100 milhões de desenvolvedores na plataforma

O CEO do GitHub, Thomas Dohmke, disse:

Estamos felizes em compartilhar que agora existem oficialmente mais de 100 milhões de desenvolvedores usando o GitHub para criar, manter e contribuir com projetos de software, o que representa uma grande responsabilidade para nós em continuar colocando os desenvolvedores em primeiro lugar.

github-agora-conta-com-100-milhoes-de-pessoas-desenvolvedoras-na-plataforma

De acordo com o relatório Octoverse 2022, o Brasil é o terceiro país fora dos EUA com o maior crescimento de usuários na plataforma, registrando mais de 3 milhões de desenvolvedores brasileiros no GitHub, apenas atrás da Índia e da China. Somente no ano passado, mais de 924 mil novos brasileiros entraram no GitHub. O que fez com que o país se posicionasse nesse lugar frente aos outros países.

A nova comunidade de desenvolvedores

Desde outubro de 2007, quando a primeira linha de código foi enviada para o GitHub, muita coisa mudou no mundo da programação. Novas linguagens de programação surgiram, com novas possibilidades e problemas a serem resolvidos.

Segundo o CEO da plataforma:

O GitHub acompanhou todo esse avanço e quer continuar se aprimorando para proporcionar a melhor experiência para as pessoas desenvolvedoras.

Hoje, a comunidade mudou e cresceu. Os desenvolvedores e desenvolvedoras não são apenas pessoas que criam software para empresas de tecnologia, mas também um grupo cada vez mais diversificado e global de pessoas que trabalham em vários setores. Em 2015, quase um terço das pessoas desenvolvedoras registradas no GitHub eram da América do Norte. Hoje, algumas das regiões de crescimento mais rápido estão longe dos EUA, como na América do Sul, Sudeste Asiático e na África, por exemplo.

Para Thomas Dohmke, essa troca global de ideias está ajudando a democratizar quem é a pessoa desenvolvedora, no que trabalha e onde mora. Esses profissionais também são pessoas que querem ajudar um familiar a se comunicar e os membros da família a superar doenças.

O GitHub ainda quer trazer mais pessoas para a tecnologia, ajudando a trabalharem juntas para construir grandes novidades, acelerar o avanço humano e resolver problemas ainda não solucionados pela humanidade.

Quando mais pessoas trabalham juntas e têm tudo o que precisam para dar o melhor de si, coisas incríveis acontecem para todas. Então, vamos construir a partir daqui, juntos.

Thomas Dohmke.
Share This Article
Follow:
Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.