in

GNOME recebe correção que melhora o seu desempenho

O GNOME já pode comemorar, uma correção deve melhorar o seu desempenho significativamente

GNOME no Wayland deve funcionar sem problemas

Yussuf Khalil publicou uma sugestão de correção no gitlab no GNOME, este envio já havia completado 30 dias e ninguém havia respondido. Nos últimos dias, os desenvolvedores do GNOME resolveram investigar o problema reportado, e não é que ele realmente existia e em vários computadores ao redor do mundo.

Khalil descobriu que a causa raiz estava dentro do código de renderização de texto do Clutter. Ele descobriu que sempre que o texto mudava, o layout do texto era recalculado. Em frações de segundos contados de relógio, o layout era recalculado, digamos que a cada texto um novo cálculo era feito em pouco tempo, o que não pode ser considerado normal. Depois da correção, o Clutter agora verifica se o tamanho do texto é o mesmo de antes, e, em caso afirmativo, apenas um redesenho é acionado e não todo o processo de re-layout.

Por fim, o ajuste foi feito e deve amenizar o consumo de RAM e processamento. Muitos usuários tem reclamado do consumo de RAM do GNOME, mas não é possível afirmar se todo o problema em torno do alto consumo de memória é este, no entanto, percebemos que quando alguém perguntava em grupos o que poderia ser, a resposta era só uma “memória RAM tem que ser usada mesmo”.

Com essas e outras, ficamos na torcida que o GNOME volte ao consumo considerado normal. Levamos em consideração uma normalidade quando o GNOME é instalado e os testes são feitos, aplicações pesadas ou novos serviços instalados de terceiros podem requerer um uso maior da CPU, então, observem sempre se o software a ser instalador é estável e o consumo dele nos fóruns.

Sempre é aconselhado usar apenas softwares disponíveis nos repositórios oficiais, eles são testados e possuem uma certa garantia contra erros, quando instalamos softwares de repositórios externos ou pacotes baixados, podemos sim correr o risco desta aplicação não funcionar adequadamente.

Por fim, o GNOME é um dos ambientes mais confiáveis e possui uma comunidade sólida que responde dentro do esperado em torno das correções de erros e atualizações. Não esqueça que é muito importante ter o sistema atualizado, as distribuições já estão recebendo o patch com a correção, fique de olho e livre-se logo deste erro.

Para mais informações sobre a correção que o GNOME recebeu consulte o item via do post.

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

ambientes gráficos

Melhor Ambiente Desktop – Pesquisa Realizada Pelo Linux Journal

Kali Linux – Top 10 de Ferramentas Para Hackers Éticos e Testadores de Penetração