in

Google desenvolve aplicativo para ajudar pacientes com deficiência motora a ‘falar’ com os olhos

O Look to Speak usa tecnologia de olhar fixo para permitir que as pessoas selecionem frases pré-escritas para serem faladas em voz alta.

Google desenvolve um aplicativo para ajudar pacientes com deficiência motora a 'falar' com os olhos

O Google, junto com o fonoaudiólogo Richard Cave, desenvolveu um aplicativo experimental para Android projetado para ajudar as pessoas que vivem com problemas motores e também na fala. O novo app deve ajudar aqueles que não conseguem se comunicar e precisam de ajuda extra para se expressar.

O Look to Speak usa aprendizado de máquina e tecnologia de olhar fixo. Então, permite que as pessoas usem os olhos para se comunicar. Funciona assim: podem mirar para a esquerda, para a direita ou para cima e selecionar uma lista de frases. A partir desta seleção, o telefone fala em voz alta as escolhas. O aplicativo também pode ser usado para suspender a tela e editar o livro de frases do usuário.

Algumas das frases incluem: Olá, obrigado, sim e não.

À medida que os dispositivos móveis se tornam mais onipresentes e poderosos, com tecnologias como aprendizado de máquina incorporadas a eles, pensei em como os telefones podem funcionar junto com as tecnologias assistivas. Juntas, essas ferramentas podem abrir novas possibilidades, especialmente para pessoas ao redor do mundo que agora pode ter acesso a essa tecnologia pela primeira vez, escreveu Cave em um blog.

Google desenvolve aplicativo para ajudar pacientes com deficiência motora a ‘falar’ com os olhos

Google desenvolve aplicativo para ajudar pacientes com deficiência motora a 'falar' com os olhos

Cave acredita que o Look to Speak pode ser usado como uma extensão da tecnologia existente de olhar fixo.

“Não estamos substituindo todo esse tipo de recurso de comunicação de serviço pesado porque há muitas funcionalidades nele. O recurso Look to Speak é para aquelas mensagens curtas importantes onde o outro dispositivo de comunicação não pode ir”, disse ele.

Por outro lado,  no Google, há umtrabalho para ajudar os usuários a superar o desafio de acessar informações de pagamento e senhas armazenadas em suas contas do Google ao usar o Chrome em situações em que a sincronização não está ativada.

A gerente de produto do Chrome, Sabine Borsay, disse em uma postagem no blog que “nas próximas semanas e meses” o Google garantiria que os pagamentos e o gerenciamento de senhas estivessem disponíveis para todos os usuários conectados, sincronizando ou não.

Além disso, Borsay destacou que o Chrome no Android permitiria que, ao entrarem nos serviços do Google, como o Gmail, se conectassem ao Chrome. Isso ocorre usando suas contas do Google com um único toque, mesmo ao usar a sincronização. Assim, evita a necessidade de inserir novamente as credenciais.

Qual a vantagem disso?

Portanto, usar esse novo método de login permitirá que os usuários preencham automaticamente os métodos de pagamento armazenados em sua Conta do Google. Do mesmo modo, poderão salvar um novo cartão de crédito na conta para ser usado em todos os dispositivos.

Ouvimos seus comentários sobre mais flexibilidade quando se trata de ter acesso a senhas salvas em sua Conta do Google. Nos próximos meses, acessar e gerenciar suas senhas com segurança em seus dispositivos se tornará ainda mais fácil, disse Borsay.

Tudo isso fazendo login em sua Conta do Google, independentemente de a sincronização estar ativa. Você poderá preencher automaticamente as senhas em sites que você salvou anteriormente em sua conta e, quando salvar uma nova senha, o Chrome irá permitem que você escolha onde deseja salvá-lo – no dispositivo ou em sua Conta do Google. Se você escolher sua conta, poderá acessá-la em todos os seus dispositivos.