in

GTK 4.0 lançado depois de 4 anos em desenvolvimento

Kit de ferramentas de código aberto era há muito esperado.

GTK 4.0 lançado depois de 4 anos em desenvolvimento

Uma eternidade, porém, depois de 4 longos anos em desenvolvimento, foi finalmente lançado o GTK 4.0. Esta versão mais recente do kit de ferramentas de código aberto estava, portanto, com um atraso considerável. Porém, haverá até mesmo uma festa de lançamento planejada para sexta-feira (18/12). Assim, isso não deveria ser uma grande surpresa.

Embora não se alinhe ao cronograma de lançamento do GNOME, é uma boa maneira de terminar o ano. Além disso, deve permitir mais tempo para que mais trabalho de portabilidade do GTK 4.0 aconteça para o lançamento do GNOME 40 que que ocorre no começo de 2021.

GTK 4.0 lançado depois de 4 anos em desenvolvimento

O GTK 4.0 apresenta novos widgets e retrabalhos para elementos existentes, suporte de reprodução de mídia integrado, melhorias de aceleração de GPU como trabalho em seu novo renderizador Vulkan e melhor suporte para macOS. No entanto, estão são apenas alguns dos principais destaques.

Algumas outras adições incluem:

  • melhorias na transferência de dados,shaders de revisão, rolagem acelerada por GPU;
  • widgets de entrada personalizados são fáceis de fazer;
  • melhorias de renderização OpenGL além do trabalho Vulkan;
  • trabalho de restauração em HTMl5 Broadway;
  • melhor suporte ao Windows e muito mais.

O GTK 4.0 agora é considerado estável para que os aplicativos comecem a suportá-lo. O GTK 3 continuará em manutenção por um “futuro previsível”. Por outro lado, o GTK 2 não terá mais suporte além de mais um lançamento pontual.

Reprodução de mídia:

Além de ser de código aberto, o GTK  é multiplataforma, para criar interfaces gráficas de usuário. São as famosas GUIs para aplicativos Linux. O GTK tem utilização principalmente pelo Projeto GNOME. Portanto, serve para o ambiente de área de trabalho GNOME e aplicativos afins. Anteriormente era conhecido como GTK +, mas com este lançamento o + foi abandonado e o nome do kit de ferramentas agora é simplesmente GTK.

GTK 4.0 é o futuro do kit de ferramentas, permitindo que desenvolvedores de aplicativos criem interfaces gráficas de usuário surpreendentes para aplicativos GTK, bem como a próxima versão principal do ambiente de desktop GNOME .

GTK 4.0 é o resultado de muito trabalho árduo de uma pequena equipe de desenvolvedores dedicados, disse Matthias Clasen. Nós adicionamos mais de 18.000 commits e fizemos mais de 20 lançamentos de desenvolvimento.

Mais detalhes sobre o lançamento do kit de ferramentas GTK 4.0 via GTK.org.