in

Kernel Linux 5.7 recebe primeira atualização e já pode ser usado em massa

Arch Linux deve ser primeira distro a usar o Kernel.

Ukuu abandona a licença GPL e desenvolvedor resgata o Ubuntu Mainline Kernel Installer

No final de semana passado, o Kernel Linux 5.7 foi lançado e agora, ele recebe a primeira atualização pontual, o que significa que já pode ser usado em massa nos sistemas. Portanto, o Linux 5.7  altera seu status de ‘mainline’ para ‘stable’ no site kernel.org uma semana depois de lançado, em 31 de maio de 2020.

A série de kernel Linux 5.7 apresentou várias novidades, como uma nova e aprimorada implementação do sistema de arquivos exFAT, recurso de contabilidade de agendador invariável em frequência para CPUs x86 e um agendador com reconhecimento térmico para melhorar o desempenho geral.

Ele também trouxe:

  • um novo módulo de segurança Linux baseado em BPF chamado bpf-lsm;
  • autenticação kernel ARM64 para proteger o kernel contra ataques de programação orientados;
  • bem como suporte a dispositivos vDPA, perfis aprimorados de perf cgroup e muitas melhorias no gerenciamento de energia.

Kernel Linux 5.7 recebe primeira atualização e já pode ser usado em massa

Kernel Linux 5.7 recebe primeira atualização e já pode ser usado em massa

Em suma, como a maioria das novas séries de kernel, vale a pena atualizá-lo. Portanto, o renomado desenvolvedor de kernel Linux Greg Kroah-Hartman anunciou hoje o primeiro lançamento, o kernel Linux 5.7.1.

Isso significa que a série de kernel Linux 5.7 agora está marcada como ‘estável’ no site kernel.org. Portanto, a maioria dos desenvolvedores de sistemas operacionais Linux agora pode instalá-lo em suas distribuições GNU/Linux.

O kernel Linux 5.7.1 é na verdade uma atualização muito pequena que altera apenas 19 arquivos, com 115 inserções e 17 exclusões. Ele atualiza principalmente alguns drivers HID e sem fio, adiciona suporte para versões mais recentes do adaptador Wi-Fi XBox One e corrige alguns erros.

Você pode fazer o download do tarball da fonte do kernel Linux 5.7.1 agora no kernel.org se você é um mantenedor da distribuição GNU/Linux ou um usuário avançado que deseja atualizá-lo para o kernel Linux mais recente e avançado.

Qualquer outra pessoa deve esperar o kernel 5.7.1 do Linux chegar aos repositórios de software estáveis de suas distribuições GNU/Linux favoritas antes de atualizar. O Arch Linux parece ser a primeira distribuição a atualizar para o kernel 5.7 do Linux, a partir de hoje.

9to5 Linux