SempreUPdate
Notícias sobre Ubuntu, Debian, Fedora, Linux, Android, Tecnologia, LibreOffice e muito mais!

Lançado o Linux Mint 18.3 “Sylvia”

Linux Mint 18.3 chega em sua versão final.

O Linux Mint 18.3 “Sylvia” foi lançado, a gente sabe que atrasamos essa postagem, mas foi realmente um problema de tempo e hoje vamos falar para você o que há de novidade do Linux Mint 18.3 “Sylvia”.

Novidades do Linux Mint 18.3 “Sylvia”

O Linux Mint 18.3 é uma versão LTS, ou seja, de suporte de longo prazo que terá suporte até 2021. Ele vem com software atualizado e traz refinamentos e muitos novos recursos para tornar sua área de trabalho ainda mais confortável de usar.

linux-mint-17.03-sylvia

Novo gestor de softwares ou como conhecimentos popularmente, central de programas. Se você costuma instalar suas aplicações no Linux Mint via interface gráfica, saiba que o novo gestor de software foi redesenhado e agora esta mais moderno, você verá detalhes do softwares, imagens, avaliação, versão da aplicação. Esses recursos são bem parecidos com a central de aplicativos do Android mesclado com o Ubuntu, no entanto, um pouco mais rápido para abrir e instalar programas.

linux-mint-17.03-sylvia

 

Suporte Flatpak agora é satisfatório no Linux Mint 18.3

Graças ao Flatpak, você pode instalar aplicativos muito mais recentes do que os presentes nos repositórios, você não precisa mais esperar a equipe de desenvolvimento do Linux Mint empacotar, agora é só consultar se há um pacote Flatpak disponível e mandar bala, mesmo que suas dependências não sejam compatíveis com Linux Mint a instalação vai acontecer e vai fazer com que o software instalado funcione adequadamente.

Linux Mint 18.03

O Linux Mint 18.3 vem com o Flatpak instalado por padrão e o novo Gerenciador de Software o suporta totalmente. Uma seção é dedicada ao Flatpak e o Gerenciador de Software lista o conteúdo de cada pacote Flatpak.

Aqui está outro aspecto do Linux Mint, que foi significativamente melhorado na versão 18.3.

linux-mint-17.03-sylvia

A Ferramenta de backup foi quase inteiramente reescrita. Tudo foi revisto: suas características, a maneira como ele se parece e a maneira como ele funciona. Agora é possível fazer um backup de seu diretório inicial, nada menos e nada mais. Salva todos os seus arquivos em um arquivo tar. Ao restaurar um backup, os arquivos são restaurados no mesmo lugar que antes, com suas permissões e timestamps originais.

Ele é executado no modo de usuário para que você não precise mais digitar sua senha. As etapas necessárias para executar um backup ou para restaurar dados são muito mais simples do que antes e suas escolhas de configuração são lembradas para que você possa repetir backups muitas vezes sem a necessidade de re-selecionar as mesmas coisas uma e outra vez.

Salvar sua seleção de software também é muito mais simples do que antes. Em vez de mostrar milhares de pacotes para escolher, a Ferramenta de backup agora simplesmente lista os pacotes que você instalou no Gerenciador de software.

linux-mint-17.03-sylvia-5

Restauração do sistema, o próximo recurso do Linux Mint 18.3 é o Timeshift, uma ferramenta dedicada aos snapshots do sistema. O Timeshift é o companheiro perfeito para a Ferramenta de Backup da Minuta do Linux. Graças ao Timeshift, você pode criar backups do próprio sistema operacional. Você excluiu arquivos do sistema por engano? Você pode recuperá-los. Você atualizou para uma versão mais recente e alguma coisa já não está funcionando bem? Você pode voltar no tempo.

linux-mint-17.03-sylvia-6

Relatórios do sistema, uma nova ferramenta chamada “Relatórios do Sistema” foi desenvolvida para Linux Mint 18.3. Seu objetivo é gerar relatórios quando ocorrem falhas de software e mostrar informações relevantes sobre o seu computador e seu ambiente.

linux-mint-17.03-sylvia-7

Quando ocorre uma falha, as informações vão ser reunidas e um único relatório de falhas será gerado. A ferramenta “Relatórios do sistema” lista os falhas e é capaz de gerar outros itens preciosos para quem precisa de detalhes sobre o erro, neste caso, os desenvolvedores.

Quando os desenvolvedores não conseguem reproduzir um bug, essa informação é muito útil. Sempre foi muito difícil para os usuários não experientes produzir estes dados, então agora é hora de relaxar e deixar que a nova ferramenta fará tudo por você.

Relatórios de informação, além dos relatórios de falhas, a ferramenta também pode mostrar relatórios de informações. Ao contrário das notas de versão que mostram a mesma informação genérica a todos, os relatórios de informações são direcionados a usuários particulares, hardware específico, casos particulares. Cada relatório é capaz de detectar sua própria relevância com base em seu ambiente, na área de trabalho que está usando, na sua CPU, em suas placas gráficas e etc.

linux-mint-17.03-sylvia=8

Melhorias no XApps, Xed, o editor de texto, agora possui um minimap. A barra de ferramentas do leitor de PDF, Xreader, foi melhorada. Os botões de histórico foram substituídos por botões de navegação (o histórico ainda pode ser acessado através do menu). Os dois botões de zoom foram alternados e um botão de reiniciar o zoom foi adicionado para tornar o Xreader compatível com outros Xapps.

linux-mint-17.03-sylvia-10

O leitor agora também detecta o DPI e o tamanho do seu monitor para tornar o tamanho do documento que você vê na tela coincidir com o tamanho do papel real ao usar um nível de zoom de 100%. No Xplayer, o reprodutor de mídia, a tela cheia foi melhorada para parecer mais limpa e outros ajustes importantes que vai facilitar a vida de quem gosta muito de reproduzir suas mídias usando o próprio Player do Linux Mint 18.3.

Tela de login do Linux Mint 18.3

A tela de login agora é mais configurável do que antes. As opções foram adicionadas para login automático, portanto, se você for o único a usar o seu computador, pode configurar o seu computador para efetuar o login sem nenhuma senha.

Os usuários do LDAP irão apreciar a capacidade de ocultar a lista de usuários e digitar os nomes dos usuários manualmente. Vários elementos da interface do usuário, como os indicadores do painel, agora mostram dicas de ferramentas e podem ser ativados/desativados nas preferências.

linux-mint-17.03-sylvia-11

Pensou que acabou as novidades do Linux Mint 18.3 ? Errou. O Linux Mint agora possui melhor suporte para verificação de ortografia e sinônimos em inglês, alemão, espanhol, francês, italiano, português e russo.

Redshift foi adicionado à seleção do software e agora vem instalado por padrão. Esta ferramenta adapta a temperatura de cor da sua tela com base na hora do dia, fazendo com que pareça mais quente a noite para reduzir o impacto nos olhos. O menu principal do aplicativo, mintMenu, agora mostra os aplicativos usados ​​recentemente. Para ativar esse recurso, clique com o botão direito do mouse no ícone do menu, abra as preferências e ative o plugin Recente.

O Driver Manager agora detecta sua CPU e apresenta pacotes de microcódigo de forma mais significativa, confira a imagem abaixo:

linux-mint-17.03-sylvia-12

O Gerenciador de carregamento (mintupload) e o Bloqueador de domínio (mintnanny) foram removidos da seleção de software padrão. Eles continuam disponíveis nos repositórios, mas eles não serão mais instalados por padrão, você vai ter que instalar caso queira usar.

O PIA Manager, uma ferramenta de configuração para conexões PIA VPN (disponível nos repositórios), agora é executado no modo de usuário e não requer mais uma senha de root para ser iniciada.

linux-mint-17.03-sylvia-16

Novos papéis de parede, uma verdadeira coletania esta disponível para quem quiser usar e abusar na personalização do Linux Mint 18.3 “Sylvia”.

linux-mint-17.03-sylvia-17

E sobre a base do sistema, isso é fácil. A base continua sendo o Ubuntu 16.04, o Linux Kernel é o 4.10, o suporte vai até 2021 e até 2018 a base será a mesma para os próximos lançamentos, certamente no Linux Mint 19 a base deve mudar, mas isso é muito cedo para comentar agora.

Requisitos de sistema para o Linux Mint 18.03 “Sylvia”:

  • 1GB de RAM (2GB recomendado para um uso confortável).
  • 15 GB de espaço em disco (recomenda-se 20 GB).
  • Resolução de 1024 × 768 (em resoluções mais baixas, pressione ALT para arrastar a janela com o mouse se não cabem na tela).

Notas do Linux Mint 18.3 “Sylvia”:

  • O ISO de 64 bits pode inicializar com BIOS ou UEFI.
  • O ISO de 32 bits só pode ser iniciado com o BIOS.
  • O ISO de 64 bits é recomendado para todos os computadores modernos (Quase todos os computadores vendidos desde 2007 possivelmente já estão equipados com processadores de 64 bits).

Instruções de atualização para o Linux Mint 18.3 “Sylvia”:

  • Se você estiver executando o BETA, basta usar o Gerenciador de Atualizações para aplicar as atualizações disponíveis.
  • Os anúncios serão feitos em breve com instruções sobre como atualizar do Linux Mint 18, 18.1 e 18.2.

Para mais informações sobre as versões do Linux Mint 18.3 nos versionamentos MATE ou Cinnamon, recomendamos consultar os links abaixo:

Linux Mint 18.3 “MATE” Linux Mint 18.3 “Cinnamon”

Comentários