in

Lenovo é condenada e vai pagar 7,3 milhões de dólares por instalar adware em notebooks

lenovo-e-condenada-e-vai-pagar-73-milhoes-de-dolares-por-instalar-adware-em-notebooks

A ação coletiva resultou nessa multa milionária, que na verdade é fruto de vários acordos pois o valor seria bem maior. A razão do processo é que foi comprovado que a Lenovo instalou o VisualDiscovery da Superfish em seus notebooks em 2014, no entanto, não havia nenhuma informação para o consumidor sobre o software.

O VisualDiscovery da Superfish é conheci por usar uma técnica chamada de agregação, aqueles softwares que instalam outros e quando o usuário percebe esta com o seu sistema lotado de novos softwares, e assim, o software é classificado como adware. E não é só isso, o VisualDiscovery também pode exibir anúncios em form de mensagem que confundem usuários sobre erros no sistema, estimulando assim o clique e também a instalação de programas de terceiros que são acompanhados por mais softwares não solicitados.

De acordo com um alerta da “Vulnerabilidade SuperFish” publicado pela Lenovo em seu site de suporte após a descoberta do software pré-instalado por parte dos consumidores, o software de pesquisa VisualDiscovery foi projetado para funcionar em segundo plano, interceptando o tráfego HTTP (S) com a ajuda de um certificado raiz autoassinado que permitia descriptografar e monitorar todo o tráfego, criptografado ou não.

E no mesmo comunicado, a Lenovo informa que os notebooks Lenovo afetados foram a série E, a série Edge, a série Flex, a série G, a série Miix, a série S, a série U Series, Y-Series, Yoga-Series e Z-Series. Com isso, muitos consumidores entraram com uma ação coletiva contra a Lenovo, pois além da invasão de privacidade, o software estava comprometendo o desempenho das máquinas de forma silenciosa.

Tudo indica que cerca de 800.000 notebooks da Lenovo vendidos nos EUA entre 1º de de setembro de 2014 e 28 de fevereiro de 2015 contém o VisualDiscovery instalado. E assim, a Lenovo pediu para a Superfish desativar a aplicação fraudulenta a nível de servidor.

Até agora 500.000 usuários entraram nesta ação coletiva, e em matéria de estatística, as compras destes notebooks foram feitas através da Best Buy e Amazon, e a todos estes a Lenovo deve entrar em contato para conversar sobre o assunto.

E segundo a Lenovo, caso a empresa não consiga contato com todos, é importante lembrar que será feito uma ação de marketing usando anúncios e também tentativas de contato através das redes sociais populares. Por fim, o acordo também estabelece que a Lenovo deve efetuar um pagamento de US $ 7.300.000, que será adicionado ao Fundo de Liquidação iniciado pelo pagamento de US $ 1.000.000 feito anteriormente pela Superfish.

Written by Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Kernel 4.18 chega ao fim de vida útil

Kernel 4.18 chega ao fim de vida útil

LineageOS anuncia abandono de 30 modelos

LineageOS anuncia abandono de 30 modelos