Malware se disfarça de atualização Flash para minar criptomoedas

Um Malware se disfarça de atualização Flash para minerar criptomoedas. A falsa atualização do Adobe Flash foi relatada por pesquisadores de segurança da Palo Alto Networks.  A técnica não é nova ou muito bem disfarçada. Porém, em agosto 2018 começou a ser detectado o golpe um pouco mais sofisticado.  Assim, a atualização é capaz de imitar a janela de Notificação oficial do instalador da Adobe para enganar o usuário.

Como funciona o Malware

Se o usuário for vítima desse golpe, o malware não só será capaz de instalar programas indesejados, como o XMRig, um popular software de criptografia. Igualmente, atualizará o Flash Player para a versão mais recente do processo .

É precisamente por isso que pode ser mais difícil detectar.  O usuário simplesmente vê a notificação da Adobe e atualiza o Flash normalmente. No entanto, no processo, ele é infectado por malware sem perceber.
Fakeflash 3

Os executáveis ??do Windows detectados pelos pesquisadores geralmente têm nomes que começam com * AdobeFlashPlayer * __ e vêm de servidores na nuvem que não são claramente da Adobe. Os downloads sempre contêm a string lashplayer_down.php? Clickid = no URL.

Por si só, outra razão era necessária para não correr o risco de usar o Flash.

Golpe funciona

Esta campanha de malware é eficaz porque leva vantagem de uma atividade legítima, como atualizar o Flash para esconder cryptominers e outros programas indesejados. Apenas os usuários e organizações mais preparados e cautelosos com filtros web são menos susceptíveis de serem infectados.

A mineração de criptomoedas através de malware se tornou uma das maiores pragas modernas. Apenas em Monero, a criptomoeda mais popular para este tipo de prática, os números estimados há alguns meses colocaram em mais de 108 milhões de dólares a quantidade de equipamentos infectados roubados. Mesmo em lojas de aplicativos como o Ubuntu ou o MacOS , esses tipos de bugs surgiram.

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Wine 3.18 virá com novos recursos

Previous article

LibreOffice traz melhorias na integração do Qt5 e suporte LXQt

Next article

You may also like

More in Notícias