in

Microsoft anuncia o “Windows Terminal” inspirado no Linux para o Windows 10

Este é mais um passo no processo de aproximação da Microsoft com o mundo Linux.

microsoft-anuncia-o-windows-terminal-inspirado-no-linux-para-o-windows-10

A Microsoft anunciou em sua conferência Build 2019 o Windows Terminal como o mais novo recurso inspirado no Linux que chega ao Windows 10. O Windows Terminal será o novo terminal suportado por guias, muito mais funcional que o Prompt de Comando ou o Windows PowerShell quando se trata de funcionalidade de terminal e semelhante ao que está disponível nas soluções de terminal Linux/Unix. O Windows Terminal permitirá muitas personalizações, emojis e outros recursos. Portanto, para surpresa de muitos, a Microsoft anuncia o “Windows Terminal” inspirado no Linux para o Windows 10.

microsoft-anuncia-o-windows-terminal-inspirado-no-linux-para-o-windows-10

O Windows Terminal será, obviamente, voltado para usuários experientes e para fazer a ponte entre o PowerShell, o Windows Subsystem for Linux (WSL) e outros recursos orientados ao desenvolvedor no Windows.

O Windows Terminal começará a ser lançado nos sistemas Windows 10 em junho. O Windows Terminal também suportará renderização de texto acelerada por GPU.

Windows Subsystem for Linux 2 com desempenho mais rápido

Além do aplicativo Windows Terminal, a Microsoft anunciou em sua conferência Build 2019 que o Windows Subsystem para Linux 2 (WSL2) será lançado em breve. A principal limitação do Windows Subsystem para Linux no Windows 10 até o momento tem sido o desempenho lento. Com o WSL2, isso será pelo menos parcialmente superado.

A Microsoft diz que o Windows Subsystem para Linux 2 oferecerá desempenho muito mais rápido. Certamente será interessante fazer benchmark. A implementação da WSL já existente é rápida para o desempenho da CPU/sistema, portanto, se o desempenho de armazenamento estiver em ordem, isso pode ser bastante promissor para aqueles que usam o WSL.

Contêineres nativos do Docker

A outra grande mudança com o WSL2 é oferecer suporte nativo ao Docker. Isso permitirá que os contêineres do Docker sejam executados nativamente no Windows sem precisar de nenhum software extra.

O Windows Subsystem para Linux 2 será lançado ainda este ano, enquanto as versões internas devem começar a ser lançadas no próximo mês.

Mais detalhes no blog do Windows. A Microsoft diz que a implementação da WSL2 é baseada em um kernel “Linux 4.19”.