in

Novas instalações do Ubuntu serão mais rápidas

Parece que a ideia de tomar um café e fazer outras coisas, pode ser resumida em apenas tomar um café.

Canonical lança Ubuntu 18.04.1 LTS

O novo Ubuntu 18.04 LTS já entrou na fase de congelamento, como já havíamos noticiado anteriormente, mas essa novidade virá já neste lançamento. Mas, explicando melhor, a Canonical vai implementar o algoritmo de compressão do Facebook chamado de zstd, e isso deve ser um padrão no Ubuntu e o próximo lançamento em outubro, o Ubuntu 18.10 também será contemplado, não só as versões LTS e com isso as instalações do Ubuntu serão bem mais rápidas.

A novidade foi divulgada pelo desenvolvedor do Debian e Ubuntu Julian Klode. O algoritmo de compressão do Facebook zstd, por incrível que pareça, é distribuído como código aberto, e foi desenvolvido para ter uma velocidade quase que em tempo real para compressão e descompressão, oferecendo uma taxa de compressão de 2,877 com compressão de até 430 MB/s e velocidades de descompressão de 1110 MB/s.

Julian Andres Klode e Balint Reczey relatam que conseguiram aumentar a velocidade de uma instalação padrão do Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver) de 64 bits em cerca de 10% com uma configuração zstd definida no nível máximo 19. Ainda melhor, a velocidade de instalação foi aumentada por cerca de 40 por cento quando a biblioteca “eatmydata” projetada para desativar fsync e pacotes relacionados estava envolvida.

Ubuntu 18.10 contará com o Zstd por padrão

O suporte para o algoritmo de compressão zstd do Facebook foi implementado nos sistemas de gerenciamento de pacotes de linha de comando dpkg e apt para os sistemas Debian GNU/Linux e Ubuntu. Além disso, a Canonical agora planeja habilitá-lo por padrão em futuros lançamentos do Ubuntu, começando com o Ubuntu 18.10 neste ano, mesmo que o zstd esteja aumentando o tamanho da instalação em cerca de 6%.

O suporte ao Zstd também estará disponível no próximo sistema operacional Ubuntu 18.04 LTS (Bionic Beaver), que deverá ser lançado no próximo mês em 26 de abril de 2018. Os dois desenvolvedores disseram que suas implementações zstd para dpkg e apt, isso significa que os pacotes Debian serão eventualmente comprimidos e descomprimidos em paralelo.

Sobre as outras variações do Ubuntu, também conhecida como sabores, não sabemos se eles vão aderir a novidade, mas acreditamos que sim por compartilhar a mesma base, afinal mesmo a ISO aumentando um pouco de tamanho, as instalações do Ubuntu serão mais rápidas.

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

librem-5-pc-convergencia-2017-purismo

A Purism conseguiu executar o KDE Plasma Mobile no Librem 5

novos recursos do GNOME 3.28

GNOME 3.28 Lançado: conheça alguns novos recursos