in

Novo Raspberry Pi 4 aquece muito rapidamente e precisa de um ventilador

O dispositivo já havia apresentado outro problema com cabos USB-C.

Novo Raspberry Pi 4 aquece muito rapidamente e precisa de um ventilador

Esta não é uma boa notícia para quem mora em regiões quentes. É que o novo Raspberry Pi 4 aquece muito rapidamente e precisa de um ventilador. Lembrando que o aparelho acaba de ser lançado e este é o segundo problema detectado nele. Antes, foi detectado um problema na porta USB-C do dispositivo. Neste mês, a Raspberry Foundation anunciou sua nova placa Raspberry 4, que veio com o mesmo preço de sua versão anterior. Porém, foram anunciadas muitas melhorias.

Novo Raspberry Pi 4 aquece muito rapidamente e precisa de um ventilador

E é que o usuário com o nome de Jeff Geerling, observa que agora o Raspberry 4 precisa de uma fonte de refrigeração (fan).

Eu tenho usado o Pi para vários projetos desde que foi lançado em 2012. Experimentei  muitos modelos, incluindo o minúsculo Pi Zero e várias revisões do A +. Nestes, você nem precisa de um ventilador para evitar lentidão do processador. E imagens térmicas ou medições pontuais usando um termômetro infravermelho geralmente mostraram quando o SoC emitia a maior quantidade de calor.

No entanto, o Raspberry Pi 4 é diferente, uma vez que o processador não apenas aquece notavelmente, mesmo sob carga normal, mas há outros componentes na placa que aquecem a ponto de não serem fáceis de tocar.

Aqui está uma imagem térmica tirada com um termovisor, que destaca as partes do Raspberry Pi 4 que geram mais calor após 5 minutos.

Aquecimento está além do normal

Novo Raspberry Pi 4 aquece muito rapidamente e precisa de um ventilador

Muitos de vocês podem pensar que o aquecimento da placa é comum e está em condições normais. Porém, para o caso do Raspberry Pi 4 excede os limites de um aquecimento que possa ser considerado “normal”. Isto porque não só impede que você obtenha a velocidade máxima que o processador pode oferecer, mas também significa que suas atividades levarão mais tempo. Além disso, com o trabalho forçado a temperatura aumenta mais e pode comprometer os componentes a longo prazo.

Isso indica que as partes dentro do Raspberry Pi (geralmente apenas o processador, mas provavelmente outros) estão aquecendo o suficiente para atingir seus próprios limites internos de segurança.

O processador também estava em cerca de 60 ° C, embora em parte o invólucro de metal ajude a difundir esse calor em torno do perímetro e o calor irradia a partir do topo da CPU.

As áreas brancas brilhantes na parte inferior esquerda do cartão quase sempre libera uma grande quantidade de calor. Ainda segundo Jeff, os componentes nessa área não se dissipam tanto quanto o processador.

Finalmente, ele diz que se você tem alguma atividade nas portas USB, esta parte também atinge 60 e 70 ° C.

Até mesmo uma atualização recente do sistema (Raspbian) pode ajudar a manter esse chip um pouco mais frio, porém ainda vai aquecer sob carga.

Então imagine que você realmente usa o Pi 4 em vez de um computador desktop, com pelo menos um disco rígido externo USB 3.0 conectado, conectado por Wi-Fi e transferir grandes quantidades de dados, um teclado e mouse USB juntamente com o trabalho de várias janelas do computador, navegador, um editor de texto e um leitor de música.

Essa quantidade de carga é suficiente para fazer com que o processador acelere em menos de 10 minutos.

Novo Raspberry Pi 4 aquece muito rapidamente e precisa de um ventilador

No entanto, Jeff garante que assistir a vídeos, navegar sites complexos mudar frequentemente de aplicação, muitas vezes faz com que o processador chegue rapidamente a uma temperatura de até 80 graus Celsius. Especialmente se possuir um case de plástico clássico totalmente fechado sem ventilação.

Para meus testes mais formais, comecei a executar o stress -pu 4 para que o processador fizesse muito trabalho, continuamente. Depois de alguns minutos, usando vcgencmd measure_temp e “Vcgencmd get_throttled, I pode ver que o processador começou a desacelerar, logo que atingiu os 80 ° C (176 ° F)

Finalmente, Jeff compartilhou um vídeo de como você pode adicionar um ventilador (fan) ao invólucro do Raspberry Pi e assim resolver esse problema. O vídeo está postado acima. 

Fonte

Written by Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Epic Games fez doação de US$ 1,2 milhão para a Fundação Blender

Epic Games fez doação de US$ 1,2 milhão para a Fundação Blender

Lançamento do Oracle Linux 8.0 e SparkyLinux

Lançamento do Oracle Linux 8.0 e SparkyLinux