in

O criador do C++ odeia que o Bitcoin tenha sido escrito na linguagem que ele criou

Suas críticas giram em torno da energia gasta e das atividades envolvidas com a criptomoeda.

O criador do C++ odeia que o Bitcoin tenha sido escrito na linguagem que ele criou
Bjarne Stroustrup, o criador do C++. Imagem: YouTube.

O criador do C++, Bjarne Stroustrup, não gosta que o Bitcoin tenha sido escrito em sua linguagem de programação.

Em uma recente entrevista em um podcast, Stroustrup levou um momento para explicar como ele se sentia sobre os programadores que usam C++ para uma variedade tão grande de aplicativos.

O criador do C++ e o Bitcoin

Na verdade, ele foi bastante razoável. Ele comparou a liberação do C++ à criação de uma ferramenta, pois não pode controlar como ela será usada.

Stroustrup disse:

Você tenta melhorar a ferramenta observando como ela está sendo usada. Quando as pessoas cortam os dedos, você tenta impedir que isso aconteça novamente. Mas, na verdade, você não tem controle sobre como algo é usado.

Então, ele mencionou o Bitcoin, que Satoshi Nakamoto escreveu em C++:

Então, estou muito feliz e orgulhoso de algumas coisas que usam o C++. Porém, a mineração de Bitcoin é o meu exemplo [negativo] favorito, pois ela [usa] tanta energia quanto a Suíça e serve principalmente criminosos.

A mineração do Bitcoin

Na verdade, o debate em torno do consumo de energia do Bitcoin é real. Minerar Bitcoin significa usar grandes quantidades de eletricidade para resolver um quebra-cabeça matemático complexo que é recompensado com moeda digital.

Normalmente, os mineradores vendem imediatamente o Bitcoin que eles geram para cobrir seus custos.

Além disso, não é comprovado que o Bitcoin seja usado “principalmente” para atividades criminosas.

Claro, seria bom se Stroustrup estivesse orgulhoso do fato de que Nakamoto construiu o Bitcoin usando sua linguagem.

O criador do C++ odeia que o Bitcoin tenha sido escrito na linguagem que ele criou
Minerar Bitcoin significa usar grandes quantidades de eletricidade para resolver um quebra-cabeça matemático complexo que é recompensado com moeda digital. Imagem: Reprodução | Fossbytes.

Mas, se ele está querendo se preocupar com o uso de energia do Bitcoin comparando-o com um país de apenas 8 milhões de pessoas, convencer o criador do C++ do contrário provavelmente é uma causa perdida, por mais brilhante que seja o C++.

Neste artigo, você viu que o criador do C++ odeia que o Bitcoin tenha sido escrito na linguagem que ele criou.

Fonte: The Next Web

Leia também:

Faz 11 anos que Satoshi Nakamoto lançou o Bitcoin

Escrito por Leonardo Santana

Astrônomo amador e eletrotécnico. Apaixonado por TI desde o século passado.

Vulkan Timeline Semaphore

Driver Vulkan Linux da Intel oferece suporte ao semáforo de linha do tempo

LinuxBoot agora pode inicializar o Windows

LinuxBoot agora pode inicializar o Windows