in

Purism anuncia servidor Librem e aumento de preços no Librem 5

O Librem Server é baseado no Pureboot.

Purism atrasa entrega de aparelhos por causa do coronavírus

O telefone Librem 5 mal estreou, cheio de falhas e faltando vários itens considerados importantes. Mesmo assim, a Purism, responsável pelo projeto, anunciou os planos de aumentar os preços do smartphone, que já não é dos mais acessíveis. A empresa não conseguir desenvolver um aparelho completamente funcional com Linux totalmente funcional, a empresa anunciou uma próxima subida de preços para o dispositivo. Além disso, ao mesmo tempo, ela anunciou a sua expansão para o espaço do servidor. A maior novidade foi mesmo a Purism anunciar este novo Librem Server.

Primeiro, eles dizem que em 1º de janeiro haverá um aumento de preço no dispositivo, que vai de US $ 699 a US $ 749. Do mesmo modo, ao atingir o lote Evergreen, o valor será de US $ 799. Isso será ainda mais difícil para aqueles que buscam um smartphone Linux, considerando as câmeras de 5,7 polegadas 720 x 1440, i.MX8M, 3GB de RAM, 32GB eMMC, 802.11n e outras especificações básicas.

Além do aumento de preços do Librem 5, a Purism anuncia criação do Librem Server

Librem <span> Servidor </span>

Felizmente, no momento em que esses aumentos de preços começarem no início do ano, eles terão a funcionalidade de chamada funcionando (parece que eles estão quase lá). Porém, ainda há o grande obstáculo de melhorar a vida útil da bateria além da aproximadamente uma hora agora, além de ativar outras funcionalidades, como o suporte à câmera.

Enquanto eles estão lutando para obter seu hardware e software no prazo, eles parecem estar se espalhando ainda mais em um esforço para aumentar o capital anunciando o Servidor Librem.

Eles anunciaram o Librem Server como algo que

já foi utilizado com sucesso por clientes comerciais estabelecidos no ano passado e atende a clientes importantes como Boeing, GE, NASA e Toyota. Agora, a empresa está abrindo o produto para disponibilidade geral  essas reivindicações ainda não puderam ser verificadas independentemente.

Do servidor Librem, eles dizem que não há firmware proprietário graças ao uso do Pureboot como versão do Coreboot; verificação de segurança de inicialização e suporte corporativo personalizável.

Esses servidores 1U começam em US $ 2.699 para os processadores Intel Xeon Broadwell. As CPUs Broadwell mais antigas estão sendo usadas para obter o suporte ao Coreboot. Nenhuma palavra no OEM do servidor que fabrica esses “Librem Server”, mas basicamente não parece oferecer muito além do envio de uma plataforma de servidor habilitada para Coreboot/Pureboot na faixa de US $ 2.699 a US $ 5.999. O prazo de entrega desses servidores Librem é de duas a três semanas.

Fonte: Softpedia

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

pssh-ssh-servidores-comando-vários-servidores-gerenciar

Como instalar o PuTTY no Ubuntu – Um cliente Telnet e SSH

Reprodutor multimídia Xine tem nova versão com suporte a Android e Wayland

Reprodutor multimídia Xine tem nova versão com suporte a Android e Wayland